Dia das mulheres

Dia Internacional das Mulheres: reparação ou data para fazer o mercado lucrar em cima das mulheres? Rede TVT. 7:22. DIA DAS INTERNACIONAL DAS MULHERES. AZULIMPERADOR. 2:05. Como a cultura do estupro se manifesta no dia a dia das mulheres? CartaCapital. 4:07. Hoje é o dia de homenagear as mulheres, não só pela beleza que elas trazem ao mundo, mas também por sua inteligência e garra. A força de uma mulher é algo que pode mover montanhas. Não tenho dúvidas que são seres incríveis que conseguem acolher todos com carinho e responsabilidade. Por isso, deixo aqui minha singela homenagem a todas as mulheres que conheço! 13/jul/2020 - Comemore o Dia das Mulheres com todas aquelas que mais te inspiram. Veja mais ideias sobre Mulheres, Dia da mulher, Frases de empoderamento. O Dia Internacional da Mulher ou Dia da Mulher é comemorado anualmente em 8 de março, e não é considerado um feriado nacional.. Trata-se de uma celebração de conquistas sociais, políticas e econômicas das mulheres ao longo dos anos, sendo adotado pela Organização das Nações Unidas e, consequentemente, por diversos países. Naquele dia, cerca de 15 mil mulheres marcharam nas ruas da cidade por melhores condições de trabalho - na época, as jornadas para elas poderiam chegar a 16h por dia, seis dias por semana e ... No Dia da Mulher, lembre-se de surpreender todas as mulheres que colaboram com o sucesso da sua empresa. Entregamos em todo o Brasil. Confira agora! Dia das Mulheres. Compartilhar. Cerca de 5569 frases e pensamentos: Dia das Mulheres. Deve-se temer mais o amor de uma mulher do que o ódio de um homem. Sócrates. 14 mil compartilhamentos. Adicionar à coleção. Ver imagem. Os homens distinguem-se pelo que fazem; as mulheres, pelo que levam os homens a fazer. Agência: Today Cliente: Construtora Patriani Produto: Institucional Direção: Fernando Sanches Fotografia: Gabriel Rinaldi Áudio: Londero… O Dia da Mulher é a celebração das conquistas sociais, políticas e econômicas das mulheres ao longo dos anos, sendo adotado pela Organização das Nações Unidas e, consequentemente, por diversos países.

r/Brasil

2008.02.15 21:22 r/Brasil

A casa dos brasileiros no Reddit. Leia as regras e participe de nossa comunidade! The Brazilian community on Reddit. Feel free to post in English or Portuguese!
[link]


2014.11.22 17:39 mrbewulf Brasil Livre

Subreddit brasileiro livre de todo tipo de censura. Fale, converse, discuta sobre o que quiser. An uncensored brazilian subreddit, speak your mind.
[link]


2020.09.24 05:14 HondyS Historico de merdas até 2014

Não tem jeito poético ou "bom" de começar a falar sobre a própria vida como se ela fosse algo surpreendentemente interessante, ou triste.
Então vou começar do começo:
Algum dia no ano de 2007
Quando se trata de "primeira memória" eu não sei o que vem na cabeça das pessoas, por isso eu acho importante citar a minha memória mais lúcida e mais antiga, antes que ela suma da minha cabeça que nem tudo que veio na sequência dela.
Me lembro de ter sido a primeira e última vez que me vi brincando com minha mãe.
Estavamos no terreiro da casa da minha avó, brincando na terra com alguns carros que eu tinha, ela sentada num tijolo e eu sentado no chão, que era basicamente terra com mato.
Me lembro de vê-la sorrir antes de ser chamada por minha avó para resolver alguma coisa, ela me deixou brincando sozinho.
Aquela foi a primeira vez que eu me senti amado, mesmo que por pouco tempo. Eu queria muito lembrar de muito antes disso, e na verdade até lembro, mas são fragmentos distorcidos demais para se chamar de "lembrança" de fato.
2008
Considero esse ano o mais marcante da minha vida, por alguma razão eu sinto que MUUUIITA coisa aconteceu em 2008...
Eu lembro de ter amigos, de brincar com eles todos os dias, de me sentir trocado quando eles brincavam com outras crianças, de me sentir sozinho quando minha mãe ia trabalhar na cidade vizinha..
Eu sentia tanta coisa pra um moleque da minha idade, mas todos os sentimentos tristes iam embora quando algo feliz acontecia. Lembro de ter ganhado uma bola gigante que um cara passou vendendo, com um suporte de ferro gigante junto de um carrinho, haviam dezenas de bolas iguais e eu havia ganhado uma delas. Meu avô havia me dado.
Lembro dele ser muito bom pra mim, ele é assim com todos os netos dele, e se eu possuo uma memória ruim daquela época com ele eu prefiro esquecer, provavelmente eu fui danado demais e mereci levar algumas reclamações, ou talvez uma chinelada... Não sei dizer o que realmente aconteceu, mas como uma criança eu nunca deixei de amar ninguém por isso, as vezes passamos do limite em sermos chatos né.
Hoje em dia eu costumo olhar do passado e culpar essa criação como a principal fonte dos meus sentimentos reprimidos, do meu ódio.
Talvez tenha sido isso mesmo, mas 2008 não foi so onde meu ódio nasceu. 2008 foi quando eu descobri os principais sentimentos humanos e a natureza deles. Eu descobri que gostava de Garotas ao me aproximar da minha prima bobona. Eu percebi que eu estaria sempre sozinho se eu fosse depender dos meus amigos. Eu aprendi que eu não devia confiar nem mesmo em quem dizia ser minha família. Também aprendi o que é perder alguem... e aprendi que quem tem um pai presente, tem muita sorte.
Muito mais coisa aconteceu em 2008, se eu fosse fazer um "não-resumo" de tudo, seria grande demais, vamos pular para os anos seguintes que originaram meus principais traumas psicológicos e físicos.
2010 - 2014
Estava tudo ocorrendo normalmente e eu aparentemente cresceria como uma criança normal e fragilizada devido a criação precária em relação ao meu psicológico, pois para minha mãe, só ter comida na mesa bastava, e eu não culpo ela, que pais se importam com a saúde psicológica dos filhos? Se você não é um aleijado, eles não estão nem ai.
Mãe achou que era uma boa ideia por um homem na nossa vida depois que meu pai parou de ser uma opção definitiva. Foi ai que conheci meu futuro padrasto e fruto do meu ódio. Vamos chama-lo de "Merdastro" em homenagem a Chloe.
(Aquela personagem de life is strange, que você talvez conheça)
Meu Merdastro fisgou minha mãe como uma garrafa de farofa atraí uma Piaba. Ela mal conheceu ele e já estava namorando, não demorou muito pra eles se juntarem numa casa só e minha vida virar um inferno.
Como todo Merdastro, ele começou amigável no começo, me tratando como se eu fosse o irmão mais novo dele, afinal ele só tinha 18 anos, era quase a idade pra ser meu irmão mesmo. Mas com o passar do tempo ele revelou sua verdadeira face.
Ele era um filho da puta que implicava por qualquer motivo e que enchia a cara sempre que podia pra fazer confusão dentro de casa, e quando ele brigava comigo, mãe estava sempre do lado dele pra apoia-lo. Isso me feria profundamente pois eu amava ela demais, e vê-la me ignorar para seguir aquele maníaco me fazia ficar muito pistola. Um dia por que eu não parava de chorar devido a ela não me deixar sair de casa, ela resolveu que seria uma boa ideia me bater com uma corda molhada, isso por que meu padrasto me mandou calar a boca diversas vezes e eu continuei chorando.
Talvez para ele não me bater, ela se colocou no lugar. Talvez ela se arrependa, pois ela nega até hoje e diz que eu inventei isso, porém NÃO.
Nesse dia depois de levar uma surra e ficar com as costas marcadas, eu pulei a janela de casa e em seguida o muro, corri pra casa da minha avó em busca de abrigo e mãe foi me buscar logo depois, ela discutiu com meu avô mas logo isso passou batido como qualquer problema familiar comum.
Os anos foram passando e meu padrasto se tornava ainda mais cuzão, eu evitava ficar muito tempo em casa, então eu tava sempre na rua brincando com meus amigos, fazendo o possível pra me divertir antes de ter que encarar um inferno quando voltasse pra casa. Por sorte meu Merdastro era Crediarista então uma parte do mês eu só tinha que aguentar mãe no meu pé, e ela era mais amorosa quando ele não estava por perto, mais calma... É isso que chamam de amor, porra?
Eu aproveitava pra caralho brincando com meus amigos na época, vou chama-los por codinomes pra evitar expor eles.
Eramos cinco no total:
Absorvente
Macaco
Tijela
Hentai
Cachorra
SIM VADIA ESSA ERA MINHA CREW
Iamos pra de trás da casa de Hentai para brincarmos nos cajueiros, que era tipo mato, arvores fáceis de subir, nosso esconderijo e base do "clube", chamemos assim. Naquela época eramos todos crianças burras e ingênuas, passavamos o dia e a noite toda fazendo merda. Já ficamos presos em cima de uma arvore por que um boi ficou em baixo dela e não nos deixou descer. Já fizemos armas com canos e bexigas, essas que atiravam feijão. Lembro de mãe ficar puta comigo por que eu desperdiçada um saco de feijão brincando de "call of duty" na rua com eles, já quase ceguei Macaco com um tiro de feijão na fuça, bons tempos.
Eu poderia contar como conheci cada um deles mas eu acho isso bem chato então vamos de timeskip.
Um ou dois anos depois de tudo isso, meu padrasto chegou bêbado em casa e quis dar uma surra em mãe na minha frente, mas ele estava tão tonto que só quebrou uma mesa de vidro em vez disso. Mãe usou alguma artimanha de mulher (vocês sabem o que é) e conseguiu leva-lo pro quarto, fazendo-o dormir.
Logo depois disso nois dois pulamos a janela e fomos ate a casa da minha avó procurar ajuda. No dia seguinte ele foi preso.
Porém minha alegria durou pouco, mãe retirou a queixa um dia depois. Ela se separou dele depois disso.
Nos mudamos para uma casa diferente e aparentemente mãe havia se tornado uma solteirona cachaceira cheia de amigas piriguetes, essa época foi reveladora pra mim em quesito PUTARIA, pois essas amigas de mãe falavam muita merda e as vezes eu era obrigado a ouvir. Uma delas vendia produtos eróticos, tipo lubrificantes, calcinhas comestíveis e remédios para velhos-casados-broxas poderem levantar o pinto. MEU DEUS COMO ESSAS COISAS (exceto o lubrificante) eram vergonha alheia.
Até ai tudo bem, mãe saia para beber e me levava junto pra todo bar e festa, que eu soubesse ela não se envolvia com ninguém. Por que... ADVINHA, PLOT TWIST: ela ainda gostava do Merdastro.
Uma noite ela resolveu trazer ele pra nossa vida de novo, quando eu implorei chorando pra ela não fazer isso, ela me mandou calar a boca. E subiu com ele pra fazer vocês sabem o que. E eu tive que me contentar com o barulho deles e meu choro de fundo.
Foi nessa época que meu ódio começou a ser cultivado pra valer.
Não acabou ainda, até 2014 tem chão...
Não citei antes, mas um problema me incomodava já fazia um tempo. Eu tinha um tumor ósseo na lateral do meu joelho, ele aos poucos estava me impedindo de ser alguém fisicamente ativo, por "sorte" ele era benigno e não iria se espalhar e me matar. E também por "sorte", era muito raro e ninguém sabia como resolver. O diagnostico foi que eu não poderia retira-lo até parar de crescer, pois iria deixar minha perna maior que a outra. Eu estava condenado a viver com aquilo me limitando por alguns anos, e foi ai que perdi minha única forma de escapar de casa pra me divertir.
Sem poder correr, pular, chutar ou escalar, eu vivia dentro de casa jogando no computador e aguentando os surtos de mãe.
Sempre que eu tentava ignorar meu tumor e correr, eu sentia uma forte dor aguda, como se alguem tivesse acabado de moer meu joelho num triturador. Era horrível e não desejo isso pra ninguém.
Pra piorar tudo, não passamos um ano sem o babaca, e não bastou pra mãe transar com ele escondido, ela resolveu aceitar o pedido de desculpa dele e repensar o relacionamento dos dois.
Ele levou a gente numa pizzaria para se desculpar e pedir perdão. Ele chorou pra gente enquanto prometia melhorar. Enquanto mãe chorava com ele, tudo que eu fazia era observar com um olhar de "Pff, patéticos"
Como eu não tinha opinião ali, Não importava o que eu fizesse, ela iria aceita-lo de volta. Quando eu cheguei em casa depois daquilo eu gritei muito com ela.
Ela me disse: "quando você amar alguem um dia, você vai me entender"
Isso pode ser qualquer coisa, por mais estúpida que seja, mas amor não era. Infelizmente por uma decisão egoista dela, eu seria obrigado a passar pelo exato mesmo inferno de novo.
Mais tarde em 2014
Ano desgraçado né? Espera só.
Algum dia eu continuo isso.
submitted by HondyS to desabafos [link] [comments]


2020.09.24 05:04 DrackNael Capítulo 5 A aldeia navajo

A aldeia navajo

Em algum lugar próximo a floresta no que aparenta ser uma aldeia indígena com cerca de 30 tendas colocadas todas em forma circular deixando apenas um grande espaço na parte da frente do terreno que possuía uma enorme fogueira e dava de frente para a entrada do lugar que não possuía portões más era todo cercado apenas sem cercas na parte da entrada. Onde um homem de pele avermelhada de cabelos brancos indicando sua idade já avançada já meio encurvado por causa da idade usando uma pele simples em suas costas e uma espécie de chapéu adornada com penas e galhos fazendo a forma de um falcão, está parado imóvel bem na entrada da aldeia com o olhar distante que observa toda a estrada que vai da aldeia, atravessando toda uma pradaria e adentrando a grande floresta a frente. Quando um homem se aproxima andando calmamente pelas suas costas, esse um pouco mais jovem, más também já de cabelos grisalhos, semelhante com o outro, mas esse possuía em sua cabeça um chapéu mais chamativo, feito todo de penas brancas presas a uma tira de couro com uma faixa vermelha nela.
-O que você vê Shaman? -, pergunta o homem mais novo que acabará de chegar.
-Hum! Não sei dizer, os espíritos não me mostram com clareza -, diz ele pensativo, - uma grande luz carregando uma grande escuridão, trazendo tristeza para o nosso povo -. Continuou o homem.
-Um inimigo? Um dos mercenários da floresta? -, pergunta o outro.
-Não sei dizer, os espíritos não me mostram com clareza, mas não me mostram intenções ruins -. Termina o homem se dirigindo para uma das tendas no centro, que chama atenção por ser adornada com penas e ossos de animais na sua frente.
Cerca de algumas horas depois sai da floresta o cortejo fúnebre puxado por Drack indo em direção da aldeia.
-Olhem ! -, alerta uma das pessoas da aldeia.
-Va chamar Nuvem Branca!-, diz outra.
Pouco depois o chefe sai de sua tenda que aparentava ter apenas um totem de cada lado da entrada.
-Chamem o Shaman-, fala ele chegando a entrada da aldeia e se dirigindo a um dos que estavam ali.
Enquanto isso o grupo chega a entrada.
-Quem é você cão branco? Por que puxa nossos irmãos mortos?-, diz um dos índios mais jovem parado ao lado do chefe parecendo estar com grande raiva.
-É , hum -, diz Drack sem saber o que dizer ao certo.
-Aqui-, diz Lobo Marrom do travois.
Enquanto o jovem se dirige a Lobo Marrom.
-Por Manitu Lobo Marrom o que aconteceu?-, diz ele em estado de surpresa.
Enquanto os outros índios iam puxando os cavalos para começar a tratar dos seus mortos, enquanto algumas mulheres choravam no fundo, e crianças eram colocadas para dentro das tendas, era uma cena desagradável para todos, jovens estarem mortos daquela forma.
Nisso o Shamam vinha se dirigindo ao encontro de todos.
-Lobo Marrom está ferido , levem-no para minha tenda-, diz ele dirigindo sua atenção a Drack, o olhando dos pés a cabeça , que ainda estava montado no cavalo e nem tinha se mexido para não fazer nada suspeito.
-Tratarei de Lobo Marrom e já vou ao encontro de vocês -, diz ele dirigindo-se a Nuvem Branca que estava parado ali prestando atenção em tudo e ainda não havia dito uma palavra, -Leve-o para sua aldeia Grande Chefe ja encontro vocês-, diz ele se dirigindo a nuvem branca e indo de volta para sua tenda para tratar Lobo Marrom.
-Por favor jovem me acompanhe -, diz o Chefe com o olhar suspeito para Drack.
-Sim senhor!-, diz ele descendo do cavalo lentamente e seguindo o homem, enquanto é observado por vários índios com olhar de ódio e raiva para cima do rapaz, com certeza só esperavam a ordem do chefe para partir pra cima do rapaz.
Drack segue Nuvem Branca que entra na tenda com os totens na frente, seguido logo atrás do rapaz, 2 jovens índios que o escoltavam com receio de que o rapaz pudesse fazer algo ao seu chefe. Quando Drack entra pode ver uma tenda de tamanho mediano , com o que parecer ser uma cama de peles na sua direita , um bau do outro lado , uma fogueira no centro da tenda e alguns adornos de peles e galhos no teto. O Chefe se senta do outro lado da entrada de frente para a pequena fogueira , onde aponta para Drack fazer o mesmo de frente para ele.Drack se senta e permanece em silêncio, obviamente o homem a sua frente era importante ali e ele não queria dizer nada idiota.
-Então meu jovem, conte sua história! -, diz o homem com um tom calmo.
Então Drack conta tudo que aconteceu desde a sua saída do mosteiro até a chegada na floresta e o encontro com Lobo Marrom e seus inimigos.
-O mosteiro dos cavaleiros renegados que fica no centro do Grande Lago de Calmaria? -, pergunta o homem confuso ,-não sabia que eles tinham levado crianças quando foram construir o lugar-. Completa o homem.
-Bem, na verdade não levaram , fui deixado la quando era apenas um bebê, eles me criaram desde então -, diz o rapaz ,- mas como assim cavaleiros renegados?-, termina ele.
-É uma história antiga de um grupo de cavaleiros brancos que abandonaram seu povo e foram se exilar naquela ilha -. Diz o homem, - mas não sei se a história é verdadeira , os brancos falam com lingua dupla muitas vezes-. Termina o homem se preparando para acender uma espécie de galho com uma ponta redonda onde tem algumas ervas.
-Não sabia disso , achava apenas que eram monges reclusos-. Diz o jovem confuso.
-Se eles não lhe contaram a história deviam ter seus motivos -, indaga o homem, -os homens que atacaram Lobo Marrom e seus irmãos eram brancos gananciosos que vieram para nossa terra explora-la e destruí-la -, continua o homem tomando um tom mais sério , -Eles não respeitam nada que a natureza nos da, só sabem destruir e explorar a natureza, estão destruindo a floresta toda, cortando suas árvores, sujando seus pequenos lagos, não sabem pegar apenas o que precisam para sobreviver , eles têm que destruir tudo até não restar nada , meu povo jurou defender essas terras a muitas luas atrás , há muito tempo fizemos um acordo com o rei dos homens para que essa floresta não fosse alvo de seus lenhadores , mas um dia ele morreu e o acordo já não servia para mais nada, pois como todos os homens brancos não tinham ninguém la para honra-lo , desde então viemos expulsando todos que entravam na floresta para explora-la, até a alguns meses atrás quando os mercenários da Black Marsh vieram, destruíram a aldeia de Buprewen chefe dos Apaches que ficava ao norte da floresta, seu líder é um homem muito poderoso chamado de MURTAUGH , dizem que ele arrasou a aldeia quase que sozinho , desde então pedi para meus guerreiros não terem conflito com eles até que pensássemos em algo , estava tentando um acordo com a tribo dos Xavantes ao sul minha mensagem partiu a alguns dias atrás , mas ainda não tivemos resposta , mesmo assim não penso que tenhamos algum guerreiro que possa derrotar Murtaugh, os homens brancos se tornaram fortes de mais para o meu povo -. Termina o homem com um tom triste,
-Más como um jovem como você pode derrotar 10 deles em poucos segundo? -, continuou ele.
-É bem ... -, começou Drack.
Quando entra na tenda o Shaman.
-Desculpem interromper-, começou ele , -Lobo Marrom me contou o que aconteceu, devo dizer também que fez um bom trabalho no ferimento dele , sem dúvidas salvou sua vida -, diz ele continuando , -Ele me disse que você veio da ilha dos monges e que não conhecia nada fora dela , sem dúvidas deve estar tão confuso quanto a gente com a sua chegada-. Termina o homem.
Nisso entra na tenda um dos jovens índios, o que havia se dirigido a Drack com ódio quando chegou.
-Pai temos que atacar o acampamento daqueles malditos, veja o que fizeram aos nossos irmãos-. Diz o rapaz com uma raiva incontrolável e uma fúria nos olhos, -i esse cão branco o que ainda faz aqui? O povo dele ainda não nos trouxe desgraça o suficiente ? -, diz ele se dirigindo a Drack com um ódio gigantesco no olhar.
-Calma Raoni -, diz Nuvem Branca com tom calmo, -Drack não é nosso inimigo, ele agora é um convidado da nossa aldeia, ele ajudou seus irmãos ao contrário do que pensa , vamos esperar a resposta dos Xavantes para tomar alguma ação sobre tudo isso-. Termina o chefe.
Mas Raoni tem o sangue de guerreiro nas veias , e guerreiros jovens sempre tendem a ter a cabeça quente.
-Todos os brancos são iguais -, diz ele com um tom grave saindo da tenda.
-Sinto muito por isso -, diz Nuvem Branca se dirigindo a Drack, -você é bem-vindo para ficar na nossa aldeia o tempo que precisar, não temos como agradecer pelo tanto que fez ao nosso povo , poderíamos ter perdido mais um filho ou só ter encontrado o corpo dos nossos jovens depois de várias luas , quando à terra já tivesse se alimentado de alguma parte -. Diz o sábio chefe.
-Eu agradeço , na verdade, eu gostaria de ficar um tempo, principalmente se poderem me ajudar a conhecer um pouco mais desse mundo -, diz Drack com certa esperança de que eles pudessem ensina-lo muitas coisas , principalmente depois de ouvir que o Shaman da aldeia usava magias, quem sabe poderia aprender alguma coisa.
-Claro , você é mais que bem-vindo -, começa o chefe , - Pedirei para o Shaman lhe responder às perguntas que o deixam confuso -, diz ele se dirigindo ao Shaman que estava parado ali do lado observando toda a conversa.
-Hum! também pedirei para arrumarem uma tenda para o nosso convidado -, diz o Shaman se dirigindo a saída da tenda fazendo um sinal para Drack acompanha-lo.
-Foi um prazer conhece-lo -, diz Drack fazendo um gesto de reverência e saindo da tenda.
-Espero que não se importe com meu pedido -, diz Drack se dirigindo ao Shaman que estava do seu lado.
-Hum! dissipar a nuvem da confusão das mentes das pessoas é meu trabalho , dom dado pelo grande espirito , não cabe a mim, reclamar das tarefas que ele me passa -, diz o homem se dirigindo a um grupo de jovens que estavam sentados em volta da grande fogueira afiando a ponta das suas lanças com uma pedra.
-Vejam alguma tenda que esteja livre , e peçam para alguém arruma-la para o nosso convidado -, disse o Shaman aos jovens, que se olharam todos confusos, mas depois dirigiram olhares furiosos para Drack. Que aparentou nem dar atenção, pois afinal só estavam chateados com o fato de seus amigos terem sido mortos e seu desejo de vingança ter sido cortado por Nuvem Branca.
-Então meu jovem que dúvidas você tem? -, diz o Shaman para Drack enquanto de ajeita em uma das pedras que são usadas como banco que ficam em volta da grande fogueira agora apagada, pois ainda era dia.
Aquelas palavras eram tudo que Drack queria ouvir , pois não existia alguém no mundo com mais perguntas em sua cabeça, ele pensou em milhares para fazer de uma vez, mas se acalmou e começo a pensar em ir por partes.
-Onde estamos ? -, pergunta ele.
-Hum! aqui é a aldeia do grande Chefe Nuvem Branca chefe dos navajos, ao redor de nós, está a grande floresta do caçador , o mosteiro que você vivia era chamado por nós de mosteiro dos cavaleiros renegados que fica no centro do grande lago de Calmaria , ao norte da floresta fica a cidade dos homens de Heisemburgh , todas essas terras fazem parte do reino dos homens brancos de Camelot -, diz o Shaman já saciando outras perguntar que poderiam vir do rapaz, já que ele aparentava mesmo não saber de nada.
-O que o senhor pode me dizer sobre magias ? -, pergunta o rapaz novamente , pois essa era uma oportunidade que ele não ia desperdiçar , ter alguém pra responde qualquer pergunta que ele tivesse.
-Hum! nós do povo indígena não usamos magia , usamos o dom dado a nós pelo grande espirito, magias são usadas pelos outros povos para criar destruição -, começou o homem ,- usamos o dom do grande espirito para curar os enfermos , pedir benção para que as caças sejam abundantes e e as plantações cresçam fortes , através de nossos pedidos o grande espirito nos concede nossos desejos se for de sua vontade , talvez na cidade dos homens alguém possa lhe dizer mais sobre magias, más não é o que eu e meu povo usamos -, termina o homem.
-Entendo -, diz o rapaz levemente decepcionado , não era a resposta que queria, talvez tivesse procurando um professor para ensina-lo , mas a resposta não era de toda inutil , pois como eram de outro povo e outra cultura , mostrava o quão interessante o mundo era , com várias formas diferentes de no fim fazer alguma coisa.
-O que é o grande espirito ? -, perguntou Drack.
-Manitu , o grande espirito indigena , ele é a força da natureza , é aquele que rege nosso mundo , manitu está em tudo e em todos , não tem como colocar em palavras sua essência -, diz o sábio.
Drack então imaginou que era como a energia , que estava em tudo e todos , e decidia as coisas, mas já era a segunda entidade que ele ouvia falar , e que talvez houvesse outros seres que comandavam o mundo.
-O que é a Black Marsh? -, perguntou novamente o rapaz.
-Hum! é um grupo de mercenários vindos da cidade de Heisemburgh , foram contratados por Tucker o dono da loja de madeiras da cidade para nos impedir de expulsar os lenhadores -, então o homem começa a ficar com um olhar distante olhando para o chão enquanto começa a falar, -mas creio que nossos problemas não são devidos apenas as árvores que eles derrubam como se não se importassem com a floresta , mas o metal dourado que encontraram perto da aldeia dos Apaches, a febre do metal dourado deixa os homens brancos loucos, eles destroem tudo por ele -, termina o homem.
Então Drack pensou que ele estava falando de ouro , que fora ensinado que era a moeda de mais valor no mundo , atrás depois vinham as moedas de prata e depois de bronze.
-Se acharam lá provavelmente pensam que tem por toda a floresta também , por isso são tão agressivos -, indaga Drack.
-Sim -, diz o homem cabisbaixo, - eles não vão parar até não sobrar nenhuma árvore ou escavar cada centímetro da floresta -. Termina o homem.
-Talves possamos falar com o governador de Heisemburg -, comenta Drack , que sabia como o sistema de administração de cidades funcionava , o governador era responsável por uma cidade e em todas as terras em volta dela.
-Ja tentamos enviar alguém , mas foi capturado pelos homens de Murtaugh na estrada , foi decapitado e sua cabeça colocada em uma estaca na beira da estrada como aviso -, diz o homem , -e um índio nunca vai entrar numa cidade de brancos e sair ileso -, fala o homem quando é interrompido.
-Porque todos os brancos são animais, não podem ver nada que querem tomar a força, acham que são os donos de todas as terras e todas as vidas , mas não são, isso acabara -, diz Raoni para os dois , furioso que um branco estava sentado em sua aldeia conversando como se nada tivesse acontecido, claramente culpando Drack pelos feitos de outros da mesma cor que a sua.
-Sinto muito pelos seus amigos, mas nem todos os brancos são iguais e eu não tenho nada a ver com o que aconteceu a seu povo -, diz Drack se levantando , pois sabia que não tinha nada a ver com aquilo e Raoni já o estava irritando , ele entendia a dor do rapaz, mas não precisa destratar alguém que claramente só ajudou.
-É o que veremos ! -, diz Raoni em um tom ameaçador enquanto se afasta dos dois.
-Ele é jovem tem sangue navajo nas veias , não suporta ver seus irmãos serem mortos e não puder vinga-los -, diz o shaman.
-Tudo bem , eu entendo , só não queria que ele pensasse que poderia passar por cima de mim atoa, sinto muito se o ofendi -, diz Drack.
-Tudo bem , você é jovem também -, comenta o homem.
Naquela noite a fogueira foi acesa , e os índios prepararam uma refeição, todos estavam ou tristes, ou furiosos , os olhos eram todos para Drack que estava sentado em volta da fogueira comendo o que parecia ser uma sopa com uns pedaços de cervo que fora caçado mais cedo pelos índios, até que Nuvem Branca se aproxima e se senta do lado do jovem.
-Sinto muito pelos olhares do meu povo, não sabem esconder seus sentimentos perante os da sua cor -, diz Nuvem Branca esperando que seu convidado não fique ofendido com um ato que era vergonhoso pra ele como chefe , já que Drack tinha sido convidado a ficar por ele mesmo.
-Está tudo bem grande chefe, entendo a dor deles e agradeço por me deixar ficar, mesmo estando em guerra com as pessoas da minha cor e agradeço também por me deixar tirar minhas dúvidas com o seu Shaman -, diz Drack grato.
-Pode me chamar de Nuvem Branca, você é um amigo do meu povo, eles logo verão isso -, fala Nuvem Branca com um tom amigavel , -E estamos em guerra com Black Marsh e Tucker, meu povo tem que aprender, como é que você disse? -, diz Nuvem Branca dando uma pausa , - "nem todos os brancos são iguais” não é mesmo -, diz ele em um tom de piada.
-É acho que sim -, diz Drack olhando para o fogo da fogueira e dando uma risada discreta de canto de boca.
Naquela noite Drack teve um pesadelo um pássaro de fogo vinha e pousava em seu ombro direito , mas depois de alguns segundos os dois incendiavam e viravam cinzas, e das cinzas levantava uma sombra negra gigante que se espalhava pelo mundo e engolia tudo. O rapaz acorda e vê que ainda esta no meio da noite, então resolve sair da tenda e dar uma caminhada para pensar melhor no pesadelo, pois era a primeira vez que algo do tipo acontecia e ele acordava no meio da noite todo suado. Então mais a frente o rapaz vê o Shaman parado olhando as estrelas , o jovem resolve se aproxima , quando…
-Pesadelo ? -, diz o Shaman mesmo sem ver que o rapaz se aproximava dele.
-Como ele sabe ? -, pensa Drack , sem dúvidas esse homem tinha dons também , só era muito modesto para falar sobre eles , fora o fato de que ele tinha sentido ele se aproximar sem ter feito nenhum barulho, -Sim, como sabe? -, pergunta então o jovem.
-Os espíritos me mostraram -, começou ele , - você tem um grande poder Drack, o maior que já foi visto nesse mundo, sem dúvidas é um grande dom , mas , você também possui uma grande escuridão dentro de si, não sei como é possivel , mas se você não conseguir se controlar ela o consumira -, diz o homem em tom de transe.
-Grande escuridão? -, pensa Drack , apesar de tudo incrível que acontecia com ele , ele nunca sentiu nada maligno.
Então de repente o Shaman para de ver as estrelas e olha para Drack.
-O que faz aqui fora? Não conseguiu dormir? -, diz o homem , como se tivesse esquecido que eles recém acabara de conversar.
Drack percebe que tinha sido algo especial que tinha acabado de acontecer então não questiona o homem.
-Sim ! -, responde Drack , - Vim pegar um ar só, para ver se o sono vem -. Termina ele.
-Então cuidado para não ficar doente , a noite esta fria ! -, diz o homem enquanto se afasta indo para sua tenda.
-Grande escuridão ! -, pensa Drack enquanto fica ali olhando as estrelas também , esperando o sono vim.
Alguns dias se passam, Drack continua tentando fazer amizade com alguns índios , sua presença agora não é mais tão incomoda quanto na sua chegada, era um rapaz gentil educado logo conquistava a todos, menos Raoni que estava sempre de olho no rapaz , com o passar dos dias Drack foi aprendendo alguns movimentos de combate com os índios, como usar um arco, coisa que Drack aprendeu rapido, pois tinha dom natural para coisas relacionadas a combate, aprendeu sobre ervas, animais , como caçar diferentes tipos de animais , até suas táticas de guerra e rastreio o jovem aprendeu. Já havia conquistado o respeito da grande maioria da tribo em questão de poucas semanas, nenhum incidente tinha acontecido mais, Lobo Marrom já havia se recuperado e tinha virado amigo de Drack, coisa que Raoni achava insuportável, até que um dia.
-Ele chegou , ele chegou - , diz uma voz do lado de fora da tenda de Drack.
O jovem sai da tenda para ver do que se tratava , era o mensageiro que Nuvem Branca havia enviado a tribo dos Xavantes, quando de repente.
-GUERRA !!!! -, grita o índio que acabava de chegar.
-IAAAHHIIIIIII -, berravam todos os índios, era seu grito de guerra, a hora da retaliação havia chegado.
Nisso da saída da sua tenda Drack olha pro lado e vê Nuvem Branca parado na frente de sua tenda , com um olhar pensativo e distante, talvez a guerra não era a melhor coisa pro seu povo , mas ele não podia fazer mais nada.
Naquela noite uma fogueira enorme foi acesa , tambores ecoavam por toda a floresta, os índios dançavam e gritavam em volta da fogueira, seus corpos completamente pintados, sem dúvidas eram um povo corajoso um povo guerreiro.
-Vamos matar seu povo o que acha disso? -, diz Raoni se dirigindo a Drack que estava parado ao lado de todos enquanto assistiam os guerreiros dançarem e comemorarem.
Mas Drack não responde.
No outro dia todos estão prontos para partida , 30 guerreiros todos a cavalo incluindo Nuvem Branca, Raoni e Lobo Marrom que estava ansioso por sua vingança com os mercenários, Drack se aproxima do grupo pronto pra guerra.
-Sinto muito meu amigo , mas você não pode ir conosco essa e uma batalha do meu povo ! -, diz Nuvem Branca a drack enquanto se dirige para falar a todos , -Encontraremos Chefe Hachita e seus homens na clareira do cervo , la nos juntaremos e decidiremos como vamos atacar o acampamento dos cães brancos -, enquanto se vira para partir em disparada com o grupo em direção a floresta.
-Contaremos pra você como foi nossa vitória em cima de seu povo ! -, diz Raoni em uma última provocação para o herói enquanto parte com o grupo.
Mas Drack não estava convencido da vitória de seus amigos.
-Faça o que achar certo ! -, diz o Shaman se aproximando por de trás de Drack e colocando sua mão em seu ombro esquerdo. Ele sabia o que passava na cabeça do jovem.
Então depois de algum tempo quando o grupo de guerra já havia sumido a alguns minutos na floresta , o jovem parte da aldeia a cavalo seguindo os rastros do grupo.
submitted by DrackNael to u/DrackNael [link] [comments]


2020.09.24 02:01 fabio561 Alguns anos atrás sofri bullying por ser gay. Orei para o menino que me fez isso fosse punido, então o pai dele morreu

Em un curso de contabilidade que fiz há uns 5 anos atrás e não terminei, a turma decidiu um dia faltar para ir na pizzaria. Eu fui junto. Como sou gay mas ngm sabia pois todos haviam acabado de iniciar o curso, sentei ao lado dos rapazes ( as meninas sentaram com outras meninas e os homens logo ao lado ). Eles começaram a falar sobre sexo com mulheres e eu fiquei quieto simplesmente por conta da minha orientação. Enfim, no dia seguinte todos compareceram e era um dia de aula de informática. Como eram 40 alunos, 20 alunos foram para uma sala com 20 computadores e 20 para outra sala também com 20 computadores. Minha melhor amiga foi para outra sala porque separaram por ordem alfabética. Enfim, fui ao banheiro e na volta, dois dos rapazes que estavam na pizzaria passaram perto de mim. Um riu e apontou pra mim e o outro fez cara de desaprovação para o riso dele. Não havia entendido porque ele riu. Depois fui descobrir: a minha amiga me contou que esse menino que riu de mim, me disse que eu tinha jeito de veado e que era para eu abrir o olho com esse pessoal. Para resumir a história, sou da Congregação Cristã ( sim, um gay evangélico ). Fui no culto da igreja no dia seguinte desta humilhação e neste dia a leitura da Bíblia foi em Evangelho segundo Lucas , 18, que fala a respeito da parábola do injusto juiz: é sobre uma senhora que insistia em justiça para seu filho para um juiz, mas nunca era ouvida. Até que um dia o juiz se cansou e lhe fez justiça.
Em seguida, o ancião começou a pregar a Palavra e disse que quem estivesse ali naquele culto e quisesse justiça, DOESSE A QUEM DOESSE, CUSTASSE O QUE CUSTASSE, assim seria feito e dentro de pouco tempo.
Passaram duas semanas e uma outra amiga veio me dizer, com muita pena e sem saber sobre esse menino que ele havia rido de mim, que o pai dele morreu de infarto, mesmo sem ter a saúde ruim ( este menino começou a faltar uns dias antes e eu havia me perguntado o porquê. Estranhado a situação ).
Enfim, coincidência ou não, saí do curso em seguida pois consegui o que queria: justiça
submitted by fabio561 to Confessionario [link] [comments]


2020.09.24 01:54 fabio561 Há uns anos atrás, sofri bullying por ser gay em meu curso de contabilidade. Orei para que o menino que riu de mim fosse punido, então o pai dele morreu de repente.

Em un curso de contabilidade que fiz há uns 5 anos atrás e não terminei, a turma decidiu um dia faltar para ir na pizzaria. Eu fui junto. Como sou gay mas ngm sabia pois todos haviam acabado de iniciar o curso, sentei ao lado dos rapazes ( as meninas sentaram com outras meninas e os homens logo ao lado ). Eles começaram a falar sobre sexo com mulheres e eu fiquei quieto simplesmente por conta da minha orientação. Enfim, no dia seguinte todos compareceram e era um dia de aula de informática. Como eram 40 alunos, 20 alunos foram para uma sala com 20 computadores e 20 para outra sala também com 20 computadores. Minha melhor amiga foi para outra sala porque separaram por ordem alfabética. Enfim, fui ao banheiro e na volta, dois dos rapazes que estavam na pizzaria passaram perto de mim. Um riu e apontou pra mim e o outro fez cara de desaprovação para o riso dele. Não havia entendido porque ele riu. Depois fui descobrir: a minha amiga me contou que esse menino que riu de mim, me disse que eu tinha jeito de veado e que era para eu abrir o olho com esse pessoal. Para resumir a história, sou da Congregação Cristã ( sim, um gay evangélico ). Fui no culto da igreja no dia seguinte desta humilhação e neste dia a leitura da Bíblia foi em Evangelho segundo Lucas , 18, que fala a respeito da parábola do injusto juiz: é sobre uma senhora que insistia em justiça para seu filho para um juiz, mas nunca era ouvida. Até que um dia o juiz se cansou e lhe fez justiça.
Em seguida, o ancião começou a pregar a Palavra e disse que quem estivesse ali naquele culto e quisesse justiça, DOESSE A QUEM DOESSE, CUSTASSE O QUE CUSTASSE, assim seria feito e dentro de pouco tempo.
Passaram duas semanas e uma outra amiga veio me dizer, com muita pena e sem saber sobre esse menino que ele havia rido de mim, que o pai dele morreu de infarto, mesmo sem ter a saúde ruim ( este menino começou a faltar uns dias antes e eu havia me perguntado o porquê. Estranhado a situação ).
Enfim, coincidência ou não, saí do curso em seguida pois consegui o que queria: justiça
submitted by fabio561 to desabafos [link] [comments]


2020.09.23 18:46 kamizzao Casos de família (e desculpa o textão)

Minha mãe estava tentando largar do meu padrasto desde março, mas conseguiu sair de casa faz um pouco mais de um mês, foram 14 anos de casamento e infelizmente não foram os anos mais felizes da vida dela, claro que o meu padrasto não aceitou a separação e está dando a maior dor de cabeça, mas junto com isso descobri que minha mãe está com um contatinho, mesmo sem conhecer eu desconfiei da integridade dele desde o princípio. O Ricardo (nome fictício) mesmo sabendo que minha mãe estava no meio de uma separação veio embora de outro estado de uma hora para outra e detalhe minha mãe não tinha pedido que viesse, mas ele quis mesmo assim. Desde então ele estava pressionando minha mãe para ir ver ele e antes desse final de semana ficou um pouco mais desesperado e para piorar a situação ficou provocando meu ex padrasto nas redes sociais e isso deu um rolo danado, minha mãe levou umas porradas e lá fomos nós na delegacia denunciar (perdi todo meu dia de folga, fora que dormi mal com medo de toda essa situação)
Não bastava esse rolo que deu, antes de ontem o Ricardo ameaçou minha prima dizendo que se minha mãe não fosse ver ele, ele ia vir na nossa casa (que não sabe onde é mas poderia descobrir) e deu a entender que machucaria meus avós e que ele não era palhaço igual o meu ex padrasto. Até que segunda à noite minha mãe estava lá fora fumando e do nada sumiu, depois de 40 min minha prima me mandou uma mensagem dizendo que estava trocando mensagens com o Ricardo e que minha mãe estava lá na casa dele (eu só não soube antes pois meu ex padrasto fez o cel dela virar pó) os bonitos fizeram uma chamada de vídeo e os dois estavam abraçados e com cara de feliz, se eu não conhecesse minha mãe diria que ela estava lá por pressão, mas pela cara de satisfação dela vi que estava tudo bem. Eles pararam de dar notícias e foi aí que eu e minha prima ficamos preocupadas, como sabia o endereço chamei a polícia e só chamei por conta das ameaças, mas imaginei que estava tudo bem, a polícia foi lá e fez os procedimentos e ele pediu um Uber para minha mãe, como ela não é tão burra ela passou um endereço um pouco longe de casa e tive que sair de casa já era 00:00 com meu irmão buscar para buscar ela.
Conclusão: graças a Deus ninguém sabe, só eu ela e minha prima, fomos denunciar e pedir medida protetiva, não estou falando com a minha mãe desde então, pois achei uma palhaçada ela ir lá correr risco com alguém que ela não conhecia, percebi que ela está meio triste pq não vai mais ver mais o crush psicopata dela. O ódio que eu tô dessa mulher não está escrito nas estrelas, já pedi para Deus tirar isso do meu coração mas está complicado, vou dar tempo ao tempo.
Bônus: Eu investigadora da FBI que sou descobri o cpf dele e pedi a ficha criminal dele para um conhecido que é delegado, e como não era supresa infelizmente minha intuição estava certa, o Ricardo além de psicopata estava envolvido em umas paradas erradas.
submitted by kamizzao to desabafos [link] [comments]


2020.09.23 16:54 GirafaManeta Sou um filho da p***

Eu iria contextualizar toda a situação, mas o final iria ser sacado no meio do texto. Então...
Um amigo meu tinha acabado de se separar de uma também amiga minha, após o término ele visivelmente estava abalado. E ele ainda é super apaixonado por ela.
Aí vem a desgraça. No mesmo dia que eles acabaram ela correu pra casa do babaca aqui pra contar que acabou. E o que aconteceu?! Acabei levando ela pra cama.
Mas que merda mesmo. Como pude perder o controle daquele jeito?!
O meu amigo (ainda tenho a audácia de chamar o cara de amigo) é uma das pessoas mais gente fina que conheci na vida e o que eu faço?! Levo pra cama a mulher que ele está apaixonado. Porra que amigão ein!
Ele descobriu depois, por causa dela. E ele veio pedir confirmação se tinha acontecido. E foi aí que eu vi a proporção da bosta que fiz. Ele não ficou bravo(pelo menos não expressou), ele olhou por um ângulo a situação na qual gerou uma certa compreensão nele.
O cara não existe!!!
E eu sou um FILHO DA P***!!!!!
submitted by GirafaManeta to desabafos [link] [comments]


2020.09.23 14:34 jujuba_colorida Sendo mulher, e ter 1,90+

Se eu pudesse fazer um desejo, seria ter uma altura normal.
As pessoas olham de mais, é difícil achar sapatos (hoje em dia até esta um pouco mais fácil)
Sou nova, tenho 24 anos. E nunca tive um namorado. (porque será né?)
Parece que minha altura assusta as pessoas, sei lá; Acho que esperam que eu seja sempre "forte"
"nossa, uma mulher desse tamanho com medo disso?"
tô longe de ser forte.
odeio minha altura. odeio dormir com os pés pra fora da cama, bater a cabeça no teto do ônibus, no teto do carro, bater a cabeça em placas, em toldos, em receber olhares como se eu tivesse uma melancia amarrada na cabeça(sério, é impossível não chamar a atenção. todos olhares vão pra você).
odeio nao achar roupas que me vistam bem. as calças sempre ficam curtas, as camisetas sempre ficam curtas. as mangas sempre ficam curtas. todas as pias do universo são ridiculamente baixas, até uma vassoura me obriga a ficar encurvada. Minhas pernas nao cabem em banco do carro, e não preciso falar daquela carteirinha ridícula das universidades né? sinto dores constantes nas costas, nos ombros.
submitted by jujuba_colorida to desabafos [link] [comments]


2020.09.23 04:05 abacatecomfarofa Não tenho amigos com os mesmos gostos!! Pq é tão difícil??

Meu desabafo é pq é tão difícil encontrar pessoas que gostam das mesmas coisas que eu ? Eu gosto muito de historias, filmes, mangas , animes e jogos um gosto bem comum hoje em dia né? Mas é incrível como eu não tenho 1 amigo que gosta das mesmas coisas, eu por diversos motivos tenho poucas amizades com homens (todo lugar que frequento ou frequentava eram lotados de mulheres ) homens geralmente gostam dessas coisas (mulheres também mas, vejo uma tendência maior em homens gostarem disso) e simplesmente não importa pq se eu faço amizade com homem ou mulher nunca gostam das mesmas coisas , as vezes jogo um game sensacional que seria comentar com alguém ou leio um livro/manga que queria falar com alguém e não tem ninguém .-. , me sinto até acuado se falar disso, eu sei que é uma coisa bem bobinha pra se desabafar( ainda mais no quadro atual do planeta né) mas é uma coisa que me incomoda.
submitted by abacatecomfarofa to desabafos [link] [comments]


2020.09.23 03:55 Davizinhothebrave A teoria dos Gadus determinados

A teoria dos Gadus determinados
O que são os gados?
Para entendermos o que seria um comportamento gadal ou ate mesmo como se indentifica um gado primeiro precisamos estabelecer o que é um gado. Segundo o filosofo Lucas Inultencilios , “ O termo gado se refere a massa de pessoas que é facilmente manipulada fazendo referencia a quando o rebanho de gados e manipulado pelo boiadeiro “ , com isso podemos deduzir que gado é todo aquele que é facilmente manipulado por mulheres , logo todo homem que se deixa ser manipulado por mulheres no comportamento de fazer tudo que elas pedem pode ser taxado de gado
Porem com o passar do tempo esse termo foi ficando mais amplo na nossa sociedade , foram adicionadas novas condições para taxar alguém , hoje não é apenas os manipulados pelo sexo oposto que caem no uso do termo gado , com meus estudos sobre o comportamento gadal e possível afirmar que gado também é todo aquele que dá a entender ter interesse em pegar mulher , mais especificamente todo homem que faz algo com intenção de pegar mulher poderá ser taxado , mas ainda sim essa definição não está completa, pois há casos específicos e delicados de serem analisados como por exemplo : quando uma mulher vai atrás de um homem e o mesmo não a impede de fazer algo , ele pode ser taxado ? A reposta para essa pergunta é sim, pois mesmo que não haja comportamento de busca ou ação de ir atrás, o ato de deixar rolar conscientemente ainda sim pode ser classificado como gado
Como saber que gado eu estou analisando?
Agora que sabemos qual é a definição de ser gado podemos classificá-los da forma devida e assim determinar que categoria se encaixa cada gado
Com meus estudos sobre esse assunto, minhas observações e experiencia nessa área em que se encontram os gados eu resolvi classificar esse grupo tão popular, mas com tão pouco conhecimento devido sobre o mesmo
Pois bem há três formas de se classificar um gado entre elas estão, o gado esperançoso, o gado guerreiro e o gado supremo. Cada um desses tem uma peculiaridade que os fazem estar sempre atrás de uma mulher, mas de formas diferentes assim podemos catálogos e saber que tipo de gado estamos analisando
Gado esperançoso
Gado esperançoso é todo aquele rapaz que quer pegar mulher mais vive atrás de maneiras ou desculpas para não ir atrás, eles são passivos e calculistas agem com paciência levam tempo para tomarem coragem para ir atrás de quem desejam. A característica psicológica desses indivíduos sugere timidez, falta de confiança e medo da rejeição. Um gado esperançoso pode ser facilmente visto como aquele que esta sempre na friend zone , ele não faz muito contato com o alvo que deseja se relacionar, o medo da rejeição pode ser presente em vários aspectos como por exemplo não contar para ninguém pois esse individuo pode contar para o alvo desse amor platônico e assim esse gado esperançoso acabara sendo rejeitado
Gado guerreiro
Gado guerreiro é todo aquele que está em constante busca de alguém para se relacionar , esse tem sempre tendência de dar o primeiro passo assim fazendo analogia aos guerreiro nas batalhas que sempre iam em frente não importando a dificuldade da luta, tinham constante determinação e independente de tudo sempre acreditavam no sucesso , assim são os gados guerreiros estão sempre a espreita de uma oportunidade, nunca deixam-na passar , para eles não importam dificuldade nem um desafio é grande demais , esses por sua vez tem . A característica psicológica de confiança porem também de carência impulsividade, mas também são visionários, pessoas otimistas e seguras de si, o gado guerreiro talvez seja disputa de pódio com o esperançoso quando o assunto é ser o mais comum na nossa sociedade
Gado supremo
Gado supremo é todo aquele que não diretamente ou deixa com clareza que ele quer pegar alguém , nunca vão atrás pois fazem jogos mentais e deixam a ação e o desejo de ir atrás para o alvo da paquera , são mestres da sedução a distancia raramente apenas em situações que fogem da curva eles fazem o primeiro contato com a pessoa desejada , esses por sua vez são pessoas na qual sua feição e semblante são tão chamativas que não é preciso que elas façam muita coisa para que haja um interesse de outra parte em tomar o primeiro passo assim eles quase nunca agem de forma a dar o primeiro passo .A característica psicológica desses indivíduos se dão como pessoas misteriosas com um ar de despreocupação, são pessoas que geralmente estão afastadas de grupos pequenos
Todo esse conceito ainda é apenas um começo, pois ainda tem muita coisa para ser determinada como por exemplo o termo gado engloba apenas homens ate o momento pois minhas pesquisas ainda estão determinando se é possível ampliar mais para outros gêneros como o feminino por exemplo
Como sabemos quem é gado e quem, não é?
Bom em teoria todo mundo é gado , pois como todos sabem temos instintos animais ate por que o ser humano é uma espécie de animal , com isso o desejo de pegar mulher esta dentro de todos nós assim que completamos 5 anos já que é ai que acaba a mielinização da medula que é quando a cabeça da criança já esta formada , dessa maneira mesmo que subconscientemente nós já estamos sentindo atração pelo sexo oposto no caso a mulher e pelo ambiente em que o feto foi formado ele já nasce com uma das três classificações do gadismo ou seja todo homem é gado , apesar de que muitos apenas consideram gado quando surge o interesse em pegar mulher, mesmo quando o interesse propriamente dito ainda parece oculto ele já incluso subconscientemente por isso mesmo quando o individuo não parece estar interessado em ninguém sua mente continua a trabalhar nessa área .
Como saber o quão gado você é?
Mesmo os classificando em três grupos de gados ainda sim não é o suficiente pois cada pessoa é uma pessoa diferente que vive em uma intensidade diferente por isso também os subloquei em três níveis no qual medem a quantidade de gadeza que esta inserida em sua vida dessa forma podendo saber se alguém é gado , o verdadeiro gado ou ate mesmo o maior gado do mundo
Pois bem esses níveis são medidos assim , se você tem menos de 50% dos contatos formados por mulheres ( com exceção de mulheres da família e de 4 amigas no máximo ) você é gado lvl 1 , se mais de 50% dos seus contatos é formado por mulheres com as exceções acima você é o verdadeiro gado lvl 2, agora se 50% dos seus contatos são formados por mulheres com as exceções e você já com mais de 4 mulheres no mesmo dia você é o maior gado do mundo lvl 3
Agora pois bem, mas como saberemos qual a porcentagem de nossos contatos?
Vejamos , um cálculo que eu desenvolvi para medir o nível de gadeza , bem simples , pegue o número de contatos que você tem e divida-o por 2 , depois conte quantos contatos tem de mulheres na sua agenda , tire as mulheres de sua família e também 4 amigas no máximo , no final da conta pegue o resultado da divisão dos contatos menos a subtração do número de mulheres pelo número de parentes e amigas se der positivo significa que deu menos de 50%, mas se der negativo significa que deu mais de 50% , exemplo prático :
NC (número de contatos) = 350 = 175
2
NM (número de mulheres) =200
PA (parentes e amigas) =50
200 – 50 = 150
175 – 150 = 25 positivo logo menos de 50%
NC (número de contatos) = 430 = 215
2
NM (número de mulheres) = 360
PA (parentes e amigas) = 80
360 – 80 = 280
215 – 280 = -65 negativo logo mais de 50%
É possível não ser gado?
Com os cálculos estabelecidos é hora de saber é possível não ser gado? A resposta para isso é sim , mas se o cérebro masculino mesmo quando nem parece estar pesando em mulher esta mesmo assim só que inconscientemente como que é possível deixar de ser gado , isso é simples , medimos anteriormente a intensidade da gadeza no homem , e tudo que vem com intensidade vai com intensidade , princípio da mola , do mesmo jeito é com os gados pois chega uma hora que ele se torna o maior gado do mundo e ao chegar no topo de sua gadeza ele não vê mais sentido naquilo pois é ai que todo homem para de ser gado por que como ele não vê mais finalidade para aquilo a intensidade com que ele vai sendo gado vai diminuindo de forma que ele encontre alguém no qual ele queira se casar e é ai que entra a mudança de ser gado para ser casado , pois o casado ele já alcançou o nível máximo de gadeza e não vê mais necessidade para aquilo o conforto mental que ele tem de saber que não precisa pegar mais mulher o deixa em paz
Conclusão
Gado é aquele que faz tudo para pegar mulher, entretanto todo homem é gado pois nosso cérebro ainda que mesmo sem percebermos estamos inconscientemente pensando em mulher já que nossos instintos animais sentem a necessidade de pegar mulher
Escrito por:
David Lucas “Davizinho the legend “Mangabeira
Pesquisado por:
David Lucas “Davizinho the legend “Mangabeira
Baseado na explicação de Lucas Inultilismo acerca dos gados
Bibliografia
https://pt.glosbe.com/pt/la/gado
21/09/2020
https://www.passeidireto.com/arquivo/26197597/resumo-embriologia-moore-sistema-nervoso-desenvolvimento-dos-membros-superiores-/2#:\~:text=5ª%20SEMANA%20%5Cu2013%20INICIA%20A,o%201º%20ANO%20pós-natal.
21/09/2020
https://www.youtube.com/watch?v=6WnzofvtEIA&t=220s
21/09/2020
submitted by Davizinhothebrave to u/Davizinhothebrave [link] [comments]


2020.09.22 21:55 abobrita Acabo de descobrir que (possivelmente) sou fruto de um estupro

Durante boa parte da minha vida falar sobre meu pai sempre foi um "tabu", minha mãe nunca quis dar uma justificativa específica sobre a ausência repentina dele em minha vida, me recordo dele indo embora em uma tarde chuvosa apenas dizendo "outro dia eu volto" e nunca mais voltou.
Por curiosidade esses dias pesquisei o nome completo dele no Google, comecei a achar notícias sobre um estuprador. Sim, sobre um estuprador.
De início achei que nada a ver, podia ser qualquer pessoa, até que resolvi ler uma das notícias. Na notícia existiam informações que batiam 100% com ele, desde nome completo até local de trabalho e local onde morava, fora a idade, nasci em 2000 (ele tinha 20 anos) e a notícia era de 2008 (ele tinha 28 anos na notícia).
Sobre eu possivelmente ser fruto de um estupro? Minha mãe sempre teve breves crises de noites chorando quando eu comentava sobre meu pai e ela sempre tinha crises de raiva a ponto de gritar absurdos diante de notícias de estupro ou violência a mulher diante a televisão. Fora que em relação a homens minha mãe é de fato uma mulher meio traumatizada e também sempre reforçou que eu nasci de algo ruim.
Eu não sei o que fazer, quais as chances de tudo ir ser coincidência? Pensei em abordar minha mãe sobre mas quase certeza que ela vai surtar se descobrir que eu sei toda a verdade agora, dos dois um: sou fruto de um estupro ou fruto de um estuprador.
Me sinto indiferente com isso tudo, porém me sinto culpada, sinto que não deveria existir, sinto que deveria tirar minha vida agora mesmo, estou me sentindo ansiosa e angustiada, estou quase decidida que deveria me matar agora mesmo, não sei o que fazer, não sei mesmo o que fazer.
submitted by abobrita to desabafos [link] [comments]


2020.09.22 18:30 CinicAtomico regras da r/sdd

Bom dia Confrades, meu pai acabou de falar que não vai pagar a pensão então por isso estou criando esse subreddit para odiar as pessoas gratuitamente na internet, por que? Porque sim morô? Mas não é qualquer pessoa que pode entrar okay? Por isso irei listar aqui algumas regras:
Esta proibido a entrada de pessoas negras 😡😠 negros são burros e mamacos, se o Hitler falou é verdade, aliás beijinhos rodolfinho ritro 💋, ano passado minha namoradinha me traiu com o Clodoaldo 😔😢 por isso agora odeio negros, proibido megros, eles fazem crime, eles roubam, diferente de nós, da raça ariana, que não fazemos nada de errado, não matamos e nem fazemos nada, aiai se eu podesse eu matava negro 😡 enfim, proibido os n-word
Proibido mulheres, por que? Porque elas não tem bom gosto para homem! São burras! Não sabem quem é o amor da vida delas! Traiem a gente com os outros! Não mandam nudes pra mim! São mais bonitas que eu! Tem mais lógica de raciocínio que eu! Isso mesmo que vocês escutaram mulheres 😡 mas se você me mandar nudes eu até posso abrir uma exceção 👉👈
Proibido os fiadinhos, eles são fiatinhos haha ala haha, proibido porque eles são fiatinhos, eles também não mandam nudes pra mim 😔
Chega, meus dedos estão engordurados de Doritos e eu tenho que enfiar 2 dedos no cu à cada 5 minutos e já vai passar carrossel aqui então você já sabe oque nós odiamos certo? Proibido a entrada de negro/pardo, mulher, viado, judeu e os krl, isso mesmo pai, época de rebeldia da minha puberdade ✌💪
É ISSO MESMO AMIGÃO LIBERDADE DE EXPRESSÃO
Pode falar qualquer merda aqui, qualquer mesmo, gugu yeah yeah, fala tudo que vem na mente, vtmnc agente ednaldo Pereira
SIGNIFICADO DAS ETIQUETAS [OFF]
OFF: quando a pessoa ta sendo séria, ou seja, não esta mais no personagem, alias você pode inventar um personagem pra você interpretar, mas no off você esta falando sério, basicamente isso
VERY FUNNY: se você recebeu isso foi porque sua postagem foi muito engraçada e os admin deram muito hahahas
(Mais etiquetas irão ser criadas, mas tô sem criatividade agora pra isso)
VERDADEIRAS REGRAS DO SUBREDDIT [OFF]:
(A ideia do sub é todos satirizarem e fingirem ser um "hardcore" [hardcore= Nazistinha, psicopatinha e etc de condomínio] da internet)
foi isso então confrades, até um outro post 👋
submitted by CinicAtomico to sanctosdadiscordia [link] [comments]


2020.09.22 16:19 EevTheWinner Eu sou novo

Olá, sou novo no grupo e queria me apresentar. Sou conservador de direita, pai de família, assovio no escuro para espantar o curupira, tomo banho gelado 10 vezes ao dia, bato no vidro pra assustar o sorvete, assisto Peaky Blinders todo dia da primeira temporada até a última, durmo no cinema, grito na igreja, almoço virado para a parede, uso biokinesis pra virar macho alfa, desço montanha e escalo ela todo dia em 5 minutos, bato na esposa, leio clube das 5, sou dono da página Orgulho de ser Hétero, ouço ondas Gamma enquanto durmo, tomo café gelado sem açúcar, faço teste de QI na internet, estou no No Fap desde que nasci, ajudei minha mãe no parto do meu irmão mais velho, leio 60 livros por dia, pratico roleta russa com o meu cachorro, MGTOW, Brain Force, pratico telecinese, sei dar salto quântico, 190 de QI, sei mexer o pau sem piscar o cú, tenho uma placa de metal na parte frontal do cérebro que impede de eu ser emocional, jejum 24h, faço treino saitama desde os 5 anos, sou apoiador do Lord Vinheteiro, violinista prodígio, deixo música clássica no alto, enema de café, consigo manipular qualquer um encarando, sou frio e calculista, odeio mulheres que usam decotes, vou no bar 78 vezes por dia, O senhor é o meu pastor, medito 10 horas ao dia, jogo poker apostando meus filhos, fumo 3.000 cigarros por semana, erro 99 vezes propositalmente só pra acertar na última, sou perito técnico nas expressões faciais, utilizo o método do palácio mental, assisto Copini desde o lançamento do canal, tenho 854 amantes e nenhuma delas sabe que eu sou gay, sou um mestre da dedução, vou para a igreja só pra tomar café, já matei o Nego Ney com uma carabina de pressão 5.5 encima de um prédio de 38 andares, gosto da página CBM mas odeio por ser socialista, INTP-J, acredito em pseudociência, matei o coronavírus apresentando o meu histórico de atleta, corro de crocs do Acre até o Rio de Janeiro todo dia, sei falar em autotune, ando armado
submitted by EevTheWinner to copypastabr [link] [comments]


2020.09.21 21:53 9edro Eu daria tudo por mais uma migalha de felicidade

Basicamente eu joguei minha vida fora quando fiz 18, escolhi fazer facul e pulei num FIES e agora vou ter 100k de dívida quando formar, tô desempregado por causa da pandemia tenho um note muito merda mas me dava felicidades em jogar um pouco, mas nem isso da dando mais, sem me diverti jogando Minecraft e quando eu tava trabalhando eu até tinha um realm jogando com meus amigos, e agora eles pegaram pra pagar mas ainda assim, não tenho mais vontade jogar, tenho poucos amigos mas são verdadeiros e ainda sim não consigo contar o que tô passando pq já passei por muitas e sinto tô só me fazendo de coitado pra eles, não consigo terminar nada por causa de uma síndrome do impostor do caralho e não consigo namorar ninguém pq não consigo confiar em outra pessoa, já perdi pessoas incríveis por causa disso mas fico feliz, as duas mulheres na qual queriam namorar cmg hoje namoram com pessoas melhores do que eu com toda certeza, a gnt ainda conversa as vezes, me sinto burro e incapaz na faculdade e só não tomei DP ainda por causa de um amigo que me carrega em todo seminário que aparece, todo dia eu acordo mal e cada dia engordando mais pq não tenho ânimo nem pra voltar pra academia, que me deu muita alegria antes, nós meus 15-16 eu ia pra academia, corria de manhã e jogava basquete na escola, era uma pessoa ativa e tava em forma, agora com meus 22 eu sinto que sou só um lixo acumulado cada vez mais, poderia falar o dia todo mas acho que esse textão já me ajuda a tirar um pouco do peito do que sinto.
submitted by 9edro to desabafos [link] [comments]


2020.09.21 16:18 Tamareira568 Desabafo deveras longo

Tenho quase certeza que sofro de Sindome do pensamento acelerado (Spa). Começou faz bastante tempo até, não sei a data precisa mas acho que lá pros meus 8/9 anos, no início isso não me pertubou já que era legal ter alguém tocando uma música pra mim o dia todo, mas depois de um tempo isso começou a me atrapalhar na hora de fazer as provas (ainda me atrapalha). Ano passado eu contei cada pensamento paralelo e foi uns 5 (a maioria falava muito baixo então quase não dava pra escutar, mas todos juntos falavam mais alto que eu mesmo)
Falei pra minha mãe que eu não tava bem e ela me levou em um psicólogo e o problema foi resolvido (eu nem sabia dessa síndrome, só descobri esse ano). Mas com essa confusão toda os problemas voltaram e eu não quero falar isso pra minha mãe porque não quero colocar mais coisas na cabeça dela.
Essas coisas todas geraram ansiedade, que gerou apatia e que tá me fazendo morder meu próprio braço pra sentir alguma coisa.
Eu sinto vontade de fugir para um lugar silencioso onde eu possa escutar música sem ter quem me interromper. Quando eu coloco meu fone eu crio um "mundo paralelo" onde eu estou boiando em um oceano, sem ondas (barulhos), sem ninguém, apenas eu. Sempre que alguém bate na porta do meu quando uma onda nesse meu mundo me "atropela" e isso me irrita de uma forma que dá vontade de gritar pra as pessoas pararem de ser tão barulhentas Minha cabeça já tem muito barulho, não preciso de mais.
Toda semana tem 13 provas pra fazer, todo dia eu fico assistindo 6 aulas de 50 minutos (terça e quinta tem 10 aulas). No início eu até tentei mas hoje eu fico deitado escutando rock enquanto o professor fica falando sobre Função Logaritima, Luiz De Camões, pronomes e essas coisas que estudamos na escola.
Depois de um tempo refletindo encontrei outro problema, não gosto de me ver como homem. Sou do tipo de pessoa que cria histórias quando está fazendo nada, atualmente o personagem principal (eu) sempre está sendo uma mulher, ou um homem que se veste como uma. Não é que eu me enxergo como mulher, eu apenas não gosto de ser homem (Não me pergunte o motivo, eu também gostaria de saber)
Voltando ao assunto de sons, barulhos, etc. Eu odeio quando as pessoas falam com o tom de voz de briga, provavelmente foi porque fui traumatizado por minha mãe (eu nao culpo ela, entendo que ela tava estressada com o que tava acontecendo. Mas a voz dela na maioria das vezes me irrita) As vezes a pessoa nem precisa ficar com o tom de briga, se tiver parecido eu já vou querer ou gritar pra ela calar a boca ou querer chorar ou querer ir pra um local que eu não consiga escutar isso
Tenho sentimentos positivos apenas em algumas coisas: quando eu estou jogando, escutando música, conversando com meus amigos e uma estranha sensação de calma quando eu me machuco.
Não sei se isso vai chegar até alguém ou se alguém vai me responder, só queria saber quando tudo isso vai acabar.
submitted by Tamareira568 to desabafos [link] [comments]


2020.09.21 13:05 geniunelime1148 Felipe estragou DUNA pra mim

Todo mundo tem um "guilty pleasure". O meu por exemplo são os livros da Sarah J Mass, que tem como público alvo mulheres e adoslecentes, mas eu gosto mesmo assim. Mas não é disso que eu estou falando. Recentemente terminei a série DUNA, e à achei incrível. Poucos dias depois, eu vejo um twitter do Felipe Neto, falando sobre o 4 livro da série, que ele aparentemente leu. Não deu outra, toda vez que eu mencionava o livro meus amigos falavam - "Esse não o livro que FN indicou/leu?"
Não sei vcs, mas eu fiquei com tanta vergonha, que simplesmente não menciono esse livro pra ninguém, já que meus amigos (Leigos em literatura, mas viciados em redes sociais) sempre associam o nome DUNA ao Felipe Neto. P#rra, não podia ser ao Neymar?
Enfim, não sei se isso só aconteceu comigo, se vcs tiverem histórias semelhantes contem oq vcs fizeram.
submitted by geniunelime1148 to Livros [link] [comments]


2020.09.21 09:25 FlautPath Perdi a admiração pelo meu pai.

(M19) Preciso dar um contexto pros meus sentimentos~
Perdi minha mãe com 12 anos, meu pai (62) cuidou de mim, me deu a melhor educação que ele pode, me deu tudo que eu precisei. Ele sempre trabalhou muito a vida toda, mesmo depois da nossa perda, ele se manteve firme, transformou a dor dele em força de vontade. Não preciso dizer o quanto admiro meu pai, ele sempre foi meu herói por ter feito tudo isso. Sempre fomos só nós dois.
Bom, agora vem meu desabafo.
A cerca de dois anos, meu pai casou-se com uma moça (38) que trabalhava como faxineira aqui em casa, ela trabalho conosco cozinhando e faxinando por cerca de 3 anos antes disso. Durante esse tempo, eles tiveram idas e voltas no relacionamento deles, começou com ficadas por dinheiro e presentes, depois começou a ficar mais sério, até que tiveram uma grande briga, grande desgasto emocional da família. Um ano após a briga, reataram o relacionamento e ela voltou a morar conosco.
Meu pai não é um cara muito emocional, foi dar o primeiro beijo no rosto do pai dele com 40 anos, trabalhou a vida toda com contabilidade e administração de empresas e parece ter a mente mais no trabalho do que em casa. Todos conhecem o tipo, é um cara ótimo de coração que quer o melhor pra todos mas falha em ver seus próprios problemas, procura ajudar todo mundo mas não consegue se ajudar.
O relacionamento deles foi cansativo, a energia da casa era sempre baixa, cinza. Essa moça já tinha três filhos (22, 9, 2) de dois pais diferentes, dois delas passaram a morar conosco por serem crianças. Ela já tinha sua bagagem de relacionamentos tóxicos e meu pai prometeu a ela o melhor, uma saída da péssima situação que ela se encontrava.
Acontece que, a pouco mais de um mês atrás, essa moça passou a desconfiar da fidelidade do meu pai. Eu perguntei pra ele mais de uma vez se era verdade, pedi que ele fosse sincero, ele mentiu olhando nos meus olhos. Ela, por meio de um gravador de ligação, conseguiu provas concretas da traição do meu pai, onde meu pai e a ficante zombavam da Dona moça por ela estar "maluca" indo atrás de provas e combinavam o próximo dia que iam se encontrar.
Ainda por cima, ouvir a voz do meu pai naquele áudio me trouxe lembranças de quando eu era criança, minha mãe berrando e brigando com meu pai, pois ela também tinha sido traída. Falei com minha meia irmã e descobri que a mãe delas tinha também, sido traída. Minha surpresa foi saber com quem ele tinha traído ela, minha mãe. Então, mãe das minhas irmãs foi traída com minha mãe, depois minha mãe foi traída por outra mulher. E agora essa moça também.
Ouvir isso pra mim foi horrível, me destruiu, não venho reagindo bem desde então. Desliguei todos os meus receptores emocionais por perto do meu pai, não consigo ouvir ele falando sem ficar ansioso.
Enfim, apesar de ter resolvido a situação dentro de mim, a admiração que eu tinha por ele sumiu. Ainda o respeito e o obedeço, mas não sinto mais vontade de me aproximar, de me conectar. Estou apático com meu pai, eu sei que ele não merece isso mas é como eu me sinto.
submitted by FlautPath to desabafos [link] [comments]


2020.09.21 04:57 altovaliriano Stannis Baratheon (Parte 9)

Vamos fechar A Tormenta de Espadas.
Assim como ocorreu com a tomada de Ponta Tempestade, Stannis tem muitas recompensas narcísicas ao ajudar a Patrulha da Noite. Ele se instala na Torre do Rei (que não é nenhum trono de ferro, mas já significa algo), consegue uma vitória esmagadora, captura centenas de prisioneiros, enxerga oportunidades nos castelos e terras abandonados da Patrulha e encontra Jon Snow.
Sim, Jon Snow é tratado pelo Rei de Pedra do Dragão como um sinal de R’hllor, pois seus planos inicias limitavam-se em chegar até a Muralha:
Pode ser que me engane com você, Jon Snow. Ambos sabemos o que se diz dos bastardos. Poderá faltar a você a honra de seu pai, ou a perícia de seu irmão com as armas. Mas é a arma que o Senhor me deu. Encontrei-o aqui, tal como você encontrou o esconderijo de vidro de dragão aos pés do Punho, e pretendo usá-lo. Nem Azor Ahai venceu sozinho a sua guerra.
(ASOS, Jon XI)
Stannis também está novamente em seu ambiente, se preparando para uma guerra. Em vez de estar sentado, isolado, derrotado e tendo que decidir se sacrifica uma criança para realizar uma antiga profecia, Stannis está ouvindo relatos de primeira mão de pessoas que viram o inimigo em carne (gelo) e osso. Até pelo Portão Negro o rei se interessa.
Diferentemente de estar apático e entregando o controle dos homens a outras pessoas (como estava fazendo em Pedra do Dragão), Stannis volta a seu papel de comandante com punho de ferro. Os homens da Patrulha notam facilmente a diferença entre os homens do Rei e os homens da Rainha:
Aqueles eram homens do rei, porém; Sam rapidamente tinha aprendido a diferença. Os homens do rei eram tão terrenos e ímpios como quaisquer outros soldados, mas os da rainha eram fervorosos na sua devoção a Melisandre de Asshai e ao seu Senhor da Luz.
(ASOS, Samwell IV)
O sabor da vitória na Muralha também reaviva o senso de justiça de Stannis.
O Rei Stannis mantém bem os seus homens na mão, isso é evidente. Deixa-os saquear um pouco, mas só ouvi falar de três selvagens estupradas, e os homens que o fizeram foram todos castrados.
(ASOS, Samwell IV)
Vestido como um homem comum da Patrulha da Noite, pode-se dizer que o rei está de volta a sua confortável simplicidade. Entretanto, ainda usa um broche com seu coração flamejante.
Estava vestido com os mesmos calções, túnica e botas negras que um homem da Patrulha da Noite usaria. Só o seu manto o distinguia: um pesado manto dourado forrado de peles negras, e preso comum broche coma forma de um coração flamejante.
(ASOS, Jon XI)
Eu não saberia afirmar com certeza, mas ao falar apenas do pequeno broche sem mencionar a coroa, GRRM nos dá a impressão de que Stannis estaria menos disposto a ostentar símbolos religiosos que causassem estranheza. De fato, Stannis chega a Castelo Negro portando dois estandartes, um da Casa Baratheon e outro com o coração flamejante.
Flutuando sobre eles vislumbravam-se os maiores estandartes vistos até então, estandartes reais grandes como lençóis; um amarelo com longas pontas, que exibia um coração flamejante, e outro que era como uma folha de ouro martelado, com um veado negro empinando-se e ondulando ao vento.
Robert, pensou Jon durante um momento louco [...]
(ASOS, Jon X)
Eu não duvidaria que a idéia de usar ambos os estandartes tenha vindo de Davos, pois ele já observara que o veado coroado poderia funcionar para elevar o moral dos aliados da Casa Baratheon e intimidar inimigos:
No topo das ameias da Fortaleza Vermelha flutuavam os estandartes do rei rapaz: o veado coroado de Baratheon no seu fundo dourado, o leão de Lannister sobre carmim. […] O coração flamejante estava por toda parte, embora o minúsculo veado negro aprisionado nas chamas fosse pequeno demais para se ver. Devíamos ter hasteado o veado coroado, pensou. O veado era o símbolo do Rei Robert, a cidade rejubilaria ao vê-lo. Esse estandarte de um estranho só serve para colocar os homens contra nós.
(ACOK, Davos III)
Entretanto, convém observar que, aparentemente, o estandarte Baratheon clássico é maior do que o Coração Flamenjante:
O grande, o dourado com o veado preto, é o estandarte real da Casa Baratheon – disse Sam para Goiva, que nunca antes tinha visto bandeiras. – A raposa comas flores são da Casa Florent. A tartaruga é de Estermont, o peixe-espada é de Bar Emmon e as trombetas cruzadas pertencem aos Wensington.
São todos brilhantes como flores. – Goiva apontou. – Gosto daqueles amarelos, como fogo. Olhe, e alguns dos guerreiros têm a mesma coisa nas blusas.
Um coração flamejante. Não sei de quem é esse símbolo.
Descobriu bastante depressa.
(ASOS, Samwell IV)
O que isso quer dizer? Provavelmente nada, afinal Stannis ainda está firme me sua aliança com Melisandre.
Homens da rainha – disse-lhe Pyp […] -– mas é melhor que não ande por aí perguntando onde está a rainha. Stannis deixou-a em Atalaialeste, coma filha e a frota. Não trouxe mulher nenhuma além da vermelha.
(ASOS, Samwell IV)

É como dizem. Esta é que é a sua verdadeira rainha, e não aquela que deixou em Atalaialeste.
(ASOS, Jon XI)
O rei ainda fala em entregar prisioneiros às chamas como método de execução:
– Enquanto seus irmãos tentam decidir quem deve liderá-los, eu tenho falado com este Mance Rayder. – Rangeu os dentes. – Um homem teimoso, esse, e orgulhoso. Não vai me deixar outra escolha a não ser entregá-lo às chamas.
(Jon XI)
Inclusive, quando Jon Snow aponta que seus votos o impedem de aceitar a oferta de Stannis, Melisandre apresenta argumentos inteiramente baseados em sua fé e ainda fala em queimar represeiros, em um gesto explícito de intolerância religiosa, sem que Stannis lhe faça qualquer reprimenda.
R’hllor é o único deus verdadeiro. Um juramento prestado a uma árvore não tem mais poder do que um juramento prestado aos seus sapatos. Abra o coração e deixe que a luz do Senhor entre nele. Queime esses represeiros e aceite Winterfell como presente do Senhor da Luz.
(ASOS, Jon XI)
Então por que Stannis fica desconfortável quando Melisandre declama diante dos homens da Patrulha que ele é Azor Ahai renascido?
[...] todos pareceram surpreendidos ao ouvir Meistre Aemon murmurar:
A guerra de que fala é a guerra pela alvorada, senhora. Mas onde está o príncipe que foi profetizado?
Ele está na sua frente – declarou Melisandre –, embora não tenha olhos para ver. Stannis Baratheon é Azor Ahai regressado, o guerreiro do fogo. Nele, as profecias cumprem-se. O cometa vermelho ardeu no céu para anunciar a sua vinda, e ele traz a Luminífera, a espada vermelha dos heróis.
Sam viu que as palavras dela pareceram deixar o rei desesperadamente desconfortável. Stannis rangeu os dentes e disse:
Chamaram, e eu vim, senhores. Agora têm de sobreviver comigo, ou morrer comigo. É melhor que se habituem a isso.
(ASOS, Samwell V)
A resposta mais óbvia é a de que ser a reencarnação de um herói mítico o lembra dos problemas que ele enfrentou aproximadamente 1 mês antes em Pedra do Dragão, envolvendo o sacrifício de Edric Storm.
Como dito acima, Stannis parece estar confortável em seu antigo papel de comandante militar e rei. Nós vimos a mesma coisa acontecer após a morte de Renly. O que trouxe Stannis à Muralha foi mais o senso do dever do que as previsões de Melisandre.
Sim, devia ter vindo mais cedo. Se não fosse o meu Mão, poderia nem sequer ter vindo. Lorde Seaworth é um homem de nascimento humilde, mas recordou-me de meu dever, quando tudo aquilo em que eu conseguia pensar era nos meus direitos.
(ASOS, Jon XI)
Aparentemente, Davos foi muito competente em conciliar os deveres de Stannis como herói com suas obrigações como rei sem envolver de maneira alguma a profecia de Azor Ahai:
Tinha posto a carroça antes dos bois, disse Davos. Estava tentando conquistar o trono para salvar o reino, quando devia estar tentando salvar o reino para conquistar o trono. – Stannis apontou para o norte. – É ali que encontrarei o inimigo que nasci para enfrentar.
(ASOS, Jon XI)
Esta versão agnóstica de seu propósito de vida parece ter agradado bastante Stannis e se projeta para o futuro da história, como veremos em A Dança dos Dragões. Por isso os discursos de Melisandre sobre profecias orientais parecem um pouco fora do contexto quando ele fala aos irmãos negros.
É interessante notar também que pode ser simplesmente que Stannis continue cético quanto a ser Azor Ahai. Principalmente depois que Melisandre deixou ser enganada por Davos, bem de baixo de seu nariz. Aliás, se o cavaleiro das cebolas refletisse sobre o que a própria Melisandre lhe disse sobre o dom para ver as chamas, poderia até alegar para Stannis que a visão que ele viu no fogo deveria ser uma farsa. A sacerdotisa diz que a leitura das chamas requerem anos de prática e zomba de sor Axell por ter-se dito capaz (talvez porque tenha sido ela quem forjou imagens nas chamas enquanto mostrava a ele):
– O fogo é uma coisa viva – a mulher vermelha tinha dito, quando lhe pediu que o ensinasse a ver o futuro nas chamas. – Está sempre em movimento, sempre em mudança... como um livro cujas letras dança me se movimentam mesmo enquanto se está tentando lê-las. São precisos anos de treino para ver as silhuetas por trás das chamas, e mais anos ainda para aprender a distinguir as silhuetas daquilo que irá acontecer das que mostram o que poderá acontecer ou o que já aconteceu. Mesmo então, é difícil, difícil. Vocês, os homens das terras do poente, não compreendem. – Davos perguntou-lhe então como Sor Axell tinha aprendido tão depressa o truque, mas ao ouvir isso ela limitou-se a dar um sorriso enigmático e dizer: – Qualquer gato pode fitar uma fogueira e ver ratos vermelhos brincando.
(ASOS, Davos VI)
Porém, eu não acredito que seja o caso. Davos não deve ter feito esta conexão. Caso contrário, o comportamento de Stannis seria outro. O Baratheon do meio tem uma tolerância pequena a ser feito de bobo.
Os homens da Patrulha aprendem isso rapidamente com a eleição do novo Lorde Comandante. A demora na escolha deixa o rei furioso a ponto de Stannis fazer diversas ameaças e gestos tolos de vingança, como quando ele deixa os homens da Patrulha ajoelhados por muito tempo sem dar licença para que eles levantem da saudação.
O rei estava zangado. Sam viu-o de imediato. Enquanto os irmãos negros entravam, um a um, e ajoelhavam na sua frente, Stannis afastou o café da manhã de pão duro, charque e ovos cozidos, e olhou-os friamente. A seu lado, a mulher vermelha, Melisandre, parecia achar a cena divertida.
O Rei Stannis manteve os irmãos negros de joelhos durante um tempo extraordinariamente longo.
(ASOS, Samwell V)
O rei também já havia confidenciado a Jon Snow que iria sovar o novo Lorde Comandante a fim de instalar os selvagens na Dádiva:
Vou instalá-los na Dádiva, depois de arrancá-la de seu novo Senhor Comandante.
(Jon XI)
E completa:
Não sou um homem paciente, como os seus irmãos negros estão prestes a descobrir.
(Jon XI)
Mais tarde, Samwell usa estes posicionamento de Stanis para criar um boato de que o rei pretende ele mesmo nomear o próximo Lorde Comandante. Mas não só ele. Os rumores também estão sendo utilizados pelos apoiadores de Janos Slynt.
Se permitirmos que Stannis escolha nosso Senhor Comandante, transformamo-nos em seus vassalos em tudo menos no nome. Não é provável que Tywin Lannister se esqueça disso, e você sabe que será Lorde Tywin quem vai ganhar no fim. Já derrotou Stannis uma vez, na Água Negra.
(ASOS, Jon XII)
Porém, Stannis realmente planejava interferir na eleição da Patrulha?
O rei de Pedra do Dragão fez algumas ameaças contundentes aos irmãos negros que parecem indicar que ele está realmente disposto a interferir nas escolhas da Patrulha.
[...] Seus irmãos escolherão um Senhor Comandante esta noite, caso contrário eu farei desejarem que tivessem escolhido.
(ASOS, Samwell V)
Até mesmo depois de que o processo estava acabado, Stannis continuava ameaçando remover Jon do cargo caso fosse contrariado.
[…] Disseram-me que você é o nonocentésimo nonagésimo oitavo homem a comandar a Patrulha da Noite, Lorde Snow. O que você acha que o nonocentésimo nonagésimo nono diria sobre esses castelos? A imagem de sua cabeça em uma lança poderia inspirá-lo a ser mais prestativo. – O rei pousou sua brilhante espada sobre o mapa, ao longo da Muralha, o aço brilhava como a luz do sol na água. – Você só é Senhor Comandante com meu consentimento. É bom que se lembre disso.
(ADWD, Jon I)
O clima de interferência é tão intenso que isso torna verossímil os boatos que tanto Samwell quanto Alliser Thorne inventaram. Porém, também é forte entre os irmãos a noção de que a interferência é ilegal, como afirma Denys Mallister.
Concordo que seria um dia negro na nossa história se um rei nomeasse o nosso Senhor Comandante.
(ASOS, Samwell V)
Então como explicar que uma pessoa reta como Stannis estaria tentando fazer manobras ilegais para obter um homem que lhe fosse favorável no comando da Patrulha? A resposta é bastante óbvia: ele não está.
Stannis sabe que, se quisesse, poderia facilmente dobrar a Patrulha.
Eu tenho três vezes mais homens do que vocês. Posso ocupar as terras, se quiser, mas preferiria fazer isso legalmente, como seu consentimento.
(ASOS, Samwell V)
Todo este som e fúria de ameaças e protestos são o modo que Baratheon encontrou de fazer com que a burocracia dos irmãos negros não atrapalhe a campanha que ele mal iniciou.
A Senhora Melisandre disse-me que ainda não escolheram um Senhor Comandante. Estou descontente. Quando tempo mais esta loucura vai durar? […] Tenho cativos cujo destino deve ser decidido, um reino que precisa ser posto em ordem, uma guerra a travar. Escolhas têm de ser feitas, decisões que envolverão a Muralha e a Patrulha da Noite. Por direito, o seu Senhor Comandante deveria ter algo a dizer nessas decisões. [...] Se por acaso Lorde Janos aqui for o melhor que a Patrulha da Noite tema oferecer, rangerei os dentes e engolirei esse fato. Não me importa nada quem de seus homens será escolhido, desde que façam uma escolha.
(ASOS, Samwell V)
O rei fala isso mais de uma vez.
Poupe-me de sua bajulação, Janos, que não lhe servirá de nada. […] – Não é meu desejo imiscuir-me em seus direitos e tradições.
(ASOS, Samwell V)
Quanto a Stannis ter mostrado inclinação a retirar seu consentimento com a escolha de Jon, literalmente ameaçando matá-lo, deve ser observado que Stannis poderia ter cumprido suas ameaças naquela oportunidade, mas não o fez. Baratheon provavelmente estava querendo descontar a rasteira sofrida Jon ter sido eleito antes mesmo de aceitar ou negar a oferta de se tornar Senhor de Winterfell. Por isso, todas as ameaças que fez foram vazias, assim como são quase todas, segundo Melisandre:
A mulher vermelha desceu a escada ao lado deJon. – Sua Graça está gostando cada vez mais de você.
Percebi. Ele só ameaçou cortar minha cabeça duas vezes.
Melisandre riu.
São seus silêncios que você deve temer, não suas palavras.
(ADWD, Jon I)
Antes de encerrar as análises de A Tormenta de Espadas, eu gostaria de lhes deixar com um pequena questão que eu não soube responder:
Por que Stannis lembra Catelyn a Jon?
Mas não foi o rosto de Lorde Eddard que viu flutuando na sua frente; foi o da Senhora Catelyn. Com os seus profundos olhos azuis e a boca dura e fria, parecia-se um pouco com Stannis. Ferro, pensou, mas quebradiço. Ela o olhava daquela maneira como costumava olhá-lo em Winterfell, sempre que ele se sobrepunha a Robb nas espadas, nas somas, ou em qualquer outra coisa. Quem é você?, sempre lhe parecia que aquele olhar dizia. Este não é o seu lugar. Por que está aqui?
(ASOS, Jon XII)
submitted by altovaliriano to Valiria [link] [comments]


2020.09.21 02:44 Rakanabre Eu fui babaca por esquecer de proposito uma conta de um jogo a qual tinha Muitos itens raros que não eram meus?

Olá luba, possivel convidado e turma que está a ver. Estava com muita vergonha de postar esta historia, mas danesse.
Em 2017 eu acho, eu tinha uma de um nice mendigo, mas fasia as coisas diferentes, não mendigando, mas fingindo ser uma MULHER só pra ganhar algumas coisinhas gratis.
Um dia criei um nick feminino de proposito, nem estava pensando nisso muito. Tudo bem no começo, entrei no jogo e tava fasendo as coisas basicas. Então alguem fala. Vamos chamalo de "Sonhador".
Sonhador: Vc e iniciante aqui.
Eu vendo oportunidade em ganhar alguns beneficios falei.
Eu: Sim sou uma iniciante. (O "uma" foi de proposito)
Sonhador: se quiser ajuda e só falar.
Eu: preciso sim, eu não sei qual a ordem das minhas habilidades. (e coisa do jogo)
O sonhador então me encina em algo que eu pouco dei bola por que ja sabia de tudo, só estava fingindo
Mas teve uma hora que eu perdi completamente o controle da situação, era o Sonhador e mais quatro, 3 contando o sonhador, queriam algo COMIGO, um deles tinha NAMORADA e queria pular a cerca comigo. Ajente não se comunicava pelo discord ou whatssap, era por um aplicativo claramente japones. Eu me fingia de muda só pra não falar no micro, e o pior, eles acreditaram segamente. (Pelomenos eu não falava no micro).
Chegou a um ponto em que um deles pediu meu numero do whats. Depois disso eu rasguei o papel que me lembrava de qual era a conta.
Detalhe que ela tava com MUITOS itens raros, ou itens impossiveis de conseguir pelo jogo, so pagando mesmo.
E apaguei minha boneca que usava no jogo, e nunca mais entrei no jogo.
Fui babaca por cortar completamente os laços com eles sem falar o que realmente estava acontecendo?
Gosto muito de vc luba sempai. <3
submitted by Rakanabre to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.20 23:38 Jvitorz Assediei uma menina quando tinha 12 anos

Cara isso é complicado, to rindo de nervoso aqui de lembrar mais tipo kkkkkkkk
quando eu tinha 12 anos eu passava o dia inteiro no yahoo respostas e acabei lendo uns posts do tipo "Tudo bem passar a mão na bunda de uma menina?" e os caras respondiam em baixo "É isso que os chads fazem" (na época não era chad, era outra palavra mais você entendeu) por causa da minha tia eu também seguia umas páginas meio nada a ver tipo "Metendo a Real", "Pensamento Alpha", "Guerreiros da Real" e mesmo que as coisas que eles falassem não fossem tão ruins eu acaba entendendo errado pq só tinha 12 anos e acabava vendo mulheres de um jeito meio errado. Ai que entra a minha história, pq eu comecei a criar aquela mentalidade de "Hummm mulher gosta de cafajeste, de cara que trata mal então vou ser mal tbm" e num dia de educação física eu resolvi passar a mão na bunda dela, simples assim, ela me deu um tapa no rosto e um amigo meu deu risada. Na época eu nem sabia o que era assédio e nem o peso que isso tinha.
Sei la
submitted by Jvitorz to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.20 23:23 Maeve55 Sou bissexual?

LEIAM TUDO POR FAVOR.
Um tempo atrás, eu conheci uma garota lésbica, eu mandava Oi direto pra ela mas ela n dava bola pra mim. Depois eu comecei a ter um sentimento estranho por ela, um sentimento que nunca havia sentindo antes por outra garota (pelo que me lembro). Quando eu via foto dela meu coração acelerava, me dava frio na barriga, eu pensava nela todos os dias e eu até entrava no perfil da mãe dela pra ver mais fotos dela e na minha mente eu só conseguia pensar "Puts que garota perfeita linda demais". Mas teve um momento que esse sentimento estranho e essa obsessão por ela já estava me incomodando porque eu não sabia que sentimento forte era esse, eu até pensei que fosse inveja ou rivalidade feminina porque ela desenha muito bem e é muito talentosa, mas depois vi que não era isso porque eu não desejava o mal dela, então eu pensei que poderia ser admiração e eu queria me inspirar nela. Eu tentava ser igual a ela, ter o mesmo pensamento que ela só pra impressionar ela e ela me dar bola (mas não deu certo kkkk). Quando minha mãe falava dela, eu já ficava toda eufórica e com sentimento estranho. Praticamente todos os dias eu mandava mensagem pra ela, mandando músicas, mandando Oi, falando como eu era super feminista e lgbt (só pra ela se impressionar kkkk),ou sempre mandava elogios pro os trabalhos dela, eu já estava louca com essa obsessão por ela que eu não sabia o que era, eu tentei esquecer ela, mas n dava ela não saia da minha cabeça então eu voltava a seguir ela. Eu curtia tudo dela, queria saber mais sobre ela, e poder tocar a pele dela. Quando ela postava storys falando, na minha mente eu pensava " Mano ela ta falando aaaah q voz mais linda, não acredito que estou ouvindo a voz dela" Kkkkkk. Há todo momento queria estar com ela abraçar, tocar o corpo dela (não do jeito sexual), e quando ela disse que era lésbica eu pensava "huuum ent me dá um beijo" "Então quer dizer que eu tenho uma chance com ela" "Vou tentar fazer ela gostar de mim" Mas outra parte da minha mente falava pra eu parar de pensar essas coisas porque era errado (fui criada em família muito religiosa). Eu até convidei ela pra minha festa, eu praticamente vou fazer essa festa só pra poder ver ela e abraçar ela (e também impressionar ela) kkkkkk, depois eu sonhei que estava dando um selinho na boca dela e nesse sonho os meus sentimentos por ela eram muito fortes e quando acordei eu pesquisei sobre sonhos, e vi que sonhos representam os nossos desejos mais profundos, então comecei a ficar nervosa e tentar pesquisar sobre bissexualidade, quando pesquisei eu me identifiquei um pouco com alguns relatos de descobertas de bissexuais, mas eu não queria aceitar de jeito nenhum que eu não era hétero, porque eu nunca tinha gostado de nenhuma garota na minha vida, só gostava de garotos, só namorava garotos, só beijava garotos então como eu não era hétero??? Então eu decidi relembrar meu passado, e lembrei de muita coisa, lembrei que na escola eu costumava apertar minhas amigas, tocar nos seios delas, a bunda e se tivesse moscando eu ia passar a mão na ppk kkkkk, eu gostava de ficar abraçadinha com elas porque eu achava muito bom, só que elas ás vezes me empurravam (e também elas são héteros), porque elas achavam isso estranho e eu não achava estranho, tanto que até gostava, e isso fazia com que eu me sentisse diferente porque como eu que me considero hétero gostava de fazer isso com elas e elas que são héteros também, não faziam a mesma coisa que eu faço? e também pq não gostavam quando eu ficava abraçadinha com elas? Mas enfim também lembrei de quando eu tinha 9 anos, eu gostava de ficar abraçadinha com uma garota,sempre beijava a bochecha dela, esfregava meu rosto no rosto dela, e achava ela a mais linda do meu grupo de amiga, eu gostava de andar de mãos dadas com ela e teve um dia que esfreguei meu rosto no ela e acabei ouvindo da diretora e inspetora que estavam conversando e olhando pra gente, e eu ouvi elas falando sobre não sei o que " Lésbica ". Também teve outra garota, que fui na casa dela, e a gente brincava na casinha dela com outra menina também, depois as coisas começaram a ficar quentes (se é que me entendem) a gente começou a tirar as roupas e eu acabei dando uma lambida na bct dela mas nada demais depois de uns segundos acabou (só sei que nesse dia eu fiquei num fogo), depois em 2018 teve uma festinha na escola do dia das crianças, eu estava na fila do pula pula e eu ficava olhando pra trás quando vi uma morena linda, o cabelo dela era cacheado, tinha corpo violão, a boca bem rosinha, bundão, a pele cor de chocolate... Na minha mente eu só pensava " Que garota linda da porra, preciso conhecer ela Urgentemente, que garota perfeitaaaa, preciso ir lá falar com ela", depois essa mesma garota foi jogar vôlei com meus amigos e eu simplesmente não consegui tirar meus olhos dela, tava doida pra bater um papo com ela, dar uns abraços nela, tocar a pele dela, e elogiar ela de linda, gostosa, maravilhosa, perfeita... Também sempre gostei de ver mulher pelada, sempre senti tesão em pornô lésbico,ou ver mulheres se masturbando sempre me deu tesão tanto quanto homem! E então o que vocês acham disso tudo? Vocês acham que eu sou realmente bi ou só é uma fase??
submitted by Maeve55 to arco_iris [link] [comments]


2020.09.20 22:32 sorcererflows Fui transar por curiosidade e olha no que deu

Eu (25h) nunca achei que sexo precisaria ser com alguém que você necessariamente ama mas mesmo assim passei muitos anos virgem, nunca me incomodei e meus amigos mais próximos sabem. Sempre fui bem tímido e meio ruim de papo, o que só ajudou nisso kkkkk No final de julho tive a brilhante ideia "vou sair com uma acompanhante" Comecei a pesquisar nos sites, fóruns, comentários, vídeos e etc... só a ideia de que quando achasse o equilíbrio certo de custo x beneficio eu iria transar já deixava meu pau duraço. Encontrei uma menina bem bonita e com boas avaliações e fui falar com ela no wpp, como o anúncio já era bastante claro e os comentários já dizia os serviços prestados foi uma conversa bem rápida e fui pro flat dela. Estava COMPLETAMENTE calmo, sim fiquei estranhamente bem de boa antes de conhecer ela pessoalmente e durante a transa, a transa em si foi boa para padrões de perder a virgindade que vejo as pessoas falando por ai, sai satisfeito até mas no carro voltando pra casa o pau já estava duraço novamente, cheguei em casa e bati uma pra um vídeo de uma garota parecida com ela. Fiquei com um pensamento de que poderia ter feito melhor e de que aquela garota não tinha sido uma boa escolha apesar de bonita e ter feito tudo o que foi combinado. 1 semana, muitas punhetas e muitos anúncios depois escolhi outra garota pra sair, dessa vez em um motel. Peguei o quarto, avisei o número e ela chegou menos de 5 minutos depois, ela era a mulher das fotos mas por uma questão de ângulo, iluminação parecia ser bem mais bonita do que realmente era, apesar disso fizemos um sexo mais gostoso onde agora eu que estava mais no controle da situação. Sai do motel CANSADO e satisfeito mas adivinhem o que aconteceu quando cheguei em casa? O pau duraço, bati uma e fui dormir. No outro dia fiquei com vontade de fazer um sexo igual do dia anterior mas com uma mulher mais gata... e lá vamos nós, 1 semana, muitas punhetas e muitos anúncios depois achei uma outra acompanhante muito linda por um preço bem em conta e chamei no wpp, ela já veio mandando áudio com uma voz que já me deixou de pau duro (não é difícil eu ficar de pau duro mas tudo bem) ao contrário das outras essa não tinha nenhum comentário mas tinha uma boa descrição então precisei tirar mais algumas dúvidas sobre os serviços prestados do qual alguns ela respondeu e outros não meio que mudando de assunto e perguntando se eu queria ir naquele mesmo momento pro flat dela. Fui pra lá, bato na porta e quando abre pra surpresa de 0 pessoas não era a mulher do anúncio mas era uma gatinha então deu ruim mas deu bom. O problema foi que no atendimento as coisas que estavam no anúncio não foram cumpridas e novamente eu sai frustrado, cheguei em casa bati uma e bora procurar outra acompanhante. Algumas semanas, muitas punhetas e muitos anúncios depois achei outra mulher, gata, completa, vários comentários, chegou no motel antes do combinado e meus amigos, o bagulho foi louco. Ela fazia de tudo, metemos muito e ainda conversamos bastante, sai cansado, satisfeito e quando cheguei em casa... o pau molengão kkkkkkkkk mas antes de dormir ficou bem duro novamente e eu bati uma pra relaxar. Antes de transar pela primeira vez eu não pensava tanto em sexo e me masturbava 1~2 vezes por semana, agora eu eu só penso em foder e não fico 1 dia sem desde o final de julho, surpreendentemente meu consumo de pornô não aumentou tanto quanto a vontade de me masturbar, 95% das vezes eu faço no banho só com a imaginação mesmo. O problema estão sendo os pensamentos durante o dia-a-dia e o liquido que sai do pau pra lubrificar que esta sujando minhas cuecas (eu que lavo, só é chato mesmo) Eu achei que quando fizesse pela primeira vez eu daria uma acalmada mas pelo visto foi o efeito contrário.

EDIT: Esqueci de falar que já estou com programa combinado com outra garota pra amanhã
submitted by sorcererflows to sexualidade [link] [comments]


2020.09.20 17:27 Maeve55 Sou bissexual?

LEIAM TUDO POR FAVOR.
Um tempo atrás, eu conheci uma garota lésbica, eu mandava Oi direto pra ela mas ela n dava bola pra mim. Depois eu comecei a ter um sentimento estranho por ela, um sentimento que nunca havia sentindo antes por outra garota (pelo que me lembro). Quando eu via foto dela meu coração acelerava, me dava frio na barriga, eu pensava nela todos os dias e eu até entrava no perfil da mãe dela pra ver mais fotos dela e na minha mente eu só conseguia pensar "Puts que garota perfeita linda demais". Mas teve um momento que esse sentimento estranho e essa obsessão por ela já estava me incomodando porque eu não sabia que sentimento forte era esse, eu até pensei que fosse inveja ou rivalidade feminina porque ela desenha muito bem e é muito talentosa, mas depois vi que não era isso porque eu não desejava o mal dela, então eu pensei que poderia ser admiração e eu queria me inspirar nela. Eu tentava ser igual a ela, ter o mesmo pensamento que ela só pra impressionar ela e ela me dar bola (mas não deu certo kkkk). Quando minha mãe falava dela, eu já ficava toda eufórica e com sentimento estranho. Praticamente todos os dias eu mandava mensagem pra ela, mandando músicas, mandando Oi, falando como eu era super feminista e lgbt (só pra ela se impressionar kkkk),ou sempre mandava elogios pro os trabalhos dela, eu já estava louca com essa obsessão por ela que eu não sabia o que era, eu tentei esquecer ela, mas n dava ela não saia da minha cabeça então eu voltava a seguir ela. Eu curtia tudo dela, queria saber mais sobre ela, e poder tocar a pele dela. Quando ela postava storys falando, na minha mente eu pensava " Mano ela ta falando aaaah q voz mais linda, não acredito que estou ouvindo a voz dela" Kkkkkk. Há todo momento queria estar com ela abraçar, tocar o corpo dela (não do jeito sexual), e quando ela disse que era lésbica eu pensava "huuum ent me dá um beijo" "Então quer dizer que eu tenho uma chance com ela" "Vou tentar fazer ela gostar de mim" Mas outra parte da minha mente falava pra eu parar de pensar essas coisas porque era errado (fui criada em família muito religiosa). Eu até convidei ela pra minha festa, eu praticamente vou fazer essa festa só pra poder ver ela e abraçar ela (e também impressionar ela) kkkkkk, depois eu sonhei que estava dando um selinho na boca dela e nesse sonho os meus sentimentos por ela eram muito fortes e quando acordei eu pesquisei sobre sonhos, e vi que sonhos representam os nossos desejos mais profundos, então comecei a ficar nervosa e tentar pesquisar sobre bissexualidade, quando pesquisei eu me identifiquei um pouco com alguns relatos de descobertas de bissexuais, mas eu não queria aceitar de jeito nenhum que eu não era hétero, porque eu nunca tinha gostado de nenhuma garota na minha vida, só gostava de garotos, só namorava garotos, só beijava garotos então como eu não era hétero??? Então eu decidi relembrar meu passado, e lembrei de muita coisa, lembrei que na escola eu costumava apertar minhas amigas, tocar nos seios delas, a bunda e se tivesse moscando eu ia passar a mão na ppk kkkkk, eu gostava de ficar abraçadinha com elas porque eu achava muito bom, só que elas ás vezes me empurravam (e também elas são héteros), porque elas achavam isso estranho e eu não achava estranho, tanto que até gostava, e isso fazia com que eu me sentisse diferente porque como eu que me considero hétero gostava de fazer isso com elas e elas que são héteros também, não faziam a mesma coisa que eu faço? e também pq não gostavam quando eu ficava abraçadinha com elas? Mas enfim também lembrei de quando eu tinha 9 anos, eu gostava de ficar abraçadinha com uma garota,sempre beijava a bochecha dela, esfregava meu rosto no rosto dela, e achava ela a mais linda do meu grupo de amiga, eu gostava de andar de mãos dadas com ela e teve um dia que esfreguei meu rosto no ela e acabei ouvindo da diretora e inspetora que estavam conversando e olhando pra gente, e eu ouvi elas falando sobre não sei o que " Lésbica ". Também teve outra garota, que fui na casa dela, e a gente brincava na casinha dela com outra menina também, depois as coisas começaram a ficar quentes (se é que me entendem) a gente começou a tirar as roupas e eu acabei dando uma lambida na bct dela mas nada demais depois de uns segundos acabou (só sei que nesse dia eu fiquei num fogo), depois em 2018 teve uma festinha na escola do dia das crianças, eu estava na fila do pula pula e eu ficava olhando pra trás quando vi uma morena linda, o cabelo dela era cacheado, tinha corpo violão, a boca bem rosinha, bundão, a pele cor de chocolate... Na minha mente eu só pensava " Que garota linda da porra, preciso conhecer ela Urgentemente, que garota perfeitaaaa, preciso ir lá falar com ela", depois essa mesma garota foi jogar vôlei com meus amigos e eu simplesmente não consegui tirar meus olhos dela, tava doida pra bater um papo com ela, dar uns abraços nela, tocar a pele dela, e elogiar ela de linda, gostosa, maravilhosa, perfeita... Também sempre gostei de ver mulher pelada, sempre senti tesão em pornô lésbico,ou ver mulheres se masturbando sempre me deu tesão tanto quanto homem! E então o que vocês acham disso tudo? Vocês acham que eu sou realmente bi ou só é uma fase??
submitted by Maeve55 to sexualidade [link] [comments]


DIA DAS MULHERES = LUCILENE DIA DAS MULHERES - CANAL EDUCAÇÃO - YouTube DIA INTERNACIONAL DA MULHER - VIDEO MOTIVACIONAL PARA ... Dia Internacional da Mulher  HOMENAGEM 'Mulher Maravilha' - Gabi Fratucello Dia das mulheres - YouTube Especial dia das mulheres 2020 - YouTube Masha e o Urso - 🌷Dia das mulheres! 👧 - YouTube Dia das Mulheres - Homenagem da Agência Solution - YouTube Dia da mulher Mensagem para o Dia Internacional da Mulher

Dia das Mulheres - Comprar Flores para Mulheres da Empresa?

  1. DIA DAS MULHERES = LUCILENE
  2. DIA DAS MULHERES - CANAL EDUCAÇÃO - YouTube
  3. DIA INTERNACIONAL DA MULHER - VIDEO MOTIVACIONAL PARA ...
  4. Dia Internacional da Mulher HOMENAGEM 'Mulher Maravilha' - Gabi Fratucello
  5. Dia das mulheres - YouTube
  6. Especial dia das mulheres 2020 - YouTube
  7. Masha e o Urso - 🌷Dia das mulheres! 👧 - YouTube
  8. Dia das Mulheres - Homenagem da Agência Solution - YouTube
  9. Dia da mulher Mensagem para o Dia Internacional da Mulher
  10. DIA DAS MULHERES - YouTube

💥 PROGRAMA METAMORFOSE 21 AVANÇADO - DE 897,00 POR 97,00 POR TEMPO LIMITADO com Nando Pinheiro↴ » https://bit.ly/m21-2020 Nando Pinheiro a voz da motivação, ... No Dia das Mulheres, a Agência Solution fez uma homenagem para as mulheres. Já realizamos campanha de marketing para o dia das mulheres no sul de minas e foi... Homenagem ao Dia da Mulher! Todos os dias é o seu dia! - Duration: 1:55. Brayon Pieske Recommended for you. 1:55. De Quem é a Culpa - Gabi Fratucello (Oficial) - Duration: 3:20. Mensagem Flores Para O Dia internacional da mulher - Homenagem Ao Dia Das Mulheres - Duration: 1:12. Mensagem Aniversário Amor 176,919 views. 1:12. Parabéns, Cunhada! Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube. Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube. Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube. VISITA A FAMILIA DE LUCILENE HOJE DIA DAS MULHERES. IGNORE AS TAGS xaCz1Ks4,luiz bacci,cidade alerta,percival,percival de souza,bacci,record tv,rede record,record,DIA DAS MULHERES,POLÍCIA CIVIL ... VOCÊ TERIA 9 MINUTOS PRA OUVIR MINHAS MÚSICAS? Clique aqui: https://ffm.to/whinderssonnunes MEU INSTAGRAM: @whinderssonnunes MEU TWITTER: @whindersson MINHA ... Dia das mulheres! 👧 Carnaval 💃 https://youtu.be/bUv6brR1i4o Top 10 🤪 https://youtu.be/7Fk6-IVbNZM #Diadasmulheres #MashaUrso Bem-vindo ao canal de Masha e o ...